• Home
  • Sobre o Blog
  • Colaboradores
  • Contato
  • Resenha da Drica: Tapete Vermelho, M. S. Fayes - Matrix


    Edição: 1
    Autora: M. S. Fayes

    Editora: Matrix
    Ano: 2013

    Páginas: 184

    Sinopse

    Uma jovem garota brasileira resolve se aventurar em um curso de inglês no exterior. Na poderosa LA. Em meio ao itinerário de passeios mesclados com estudos, ela se vê em um torvelinho de emoções ao conhecer subitamente um astro em ascensão do cinema. Seus passeios acabam sendo mais intensos do que poderia sequer sonhar. Ela se vê no poderoso mundo das celebridades, onde o glamour pode deslumbrar ou ofuscar seus ideais. O mais importante, porém… seria ela capaz de manter um romance onde os holofotes nunca se apagavam ?

    Tapete Vermelho nos conta a história de Marina, uma garota de 19 anos que vai fazer sua primeira viagem internacional e sozinha. Marina decide ir para Los Angeles para aprimorar o seu inglês depois de uma decepção com o seu ex-namorado. Estudante de jornalismo, bonita, inteligente, decidida e com princípios morais bem definidos, essa é a nossa mocinha, do tipo que faz fácil, fácil os leitores se apaixonarem por ela!
    A verdadeira aventura de Marina em LA vai começar já no aeroporto, quando tem a sua mala extraviada. Enquanto espera pela mala e para tentar amenizar a situação, ela é colocada na sala vip. Lá ela é abordada por um rapaz muito simpático, de voz aveludada e lindos olhos verdes, que ela demora em reconhecer, mas é ninguém menos que James Bradley, ator de cinema considerado o Tom Cruise da atualidade. Essa história promete ou não promete???

    James pede à ela que o acompanhe até a saída do aeroporto para despistar certos rumores sobre a vida pessoal dele. Lógico que ela topa, não é? Mas o que se mostra um favor inocente é apenas o começo de um belo conto de fadas moderno sob os holofotes da mídia.

    Ponto para as descrições de Marina de como um brasileiro, que acha que sabe inglês, se sente quando está em solo estrangeiro e para as dificuldades de adaptação:

    “Ninguém prepara você para a dura realidade da coisa em si. Cursos de idioma no seu país ensinam o básico, básico mesmo. Quando se depara com os diversos sotaques em solo estrangeiro, é constrangedor: você se sente um alienígena descoordenado em meio a uma terra de ninguém.”

    Marina custa a acreditar que está mesmo envolvida nesse mundo de fama e glamour, e vai encontrar no astro James um homem simples e comum, não fosse pela sua beleza estonteante que deixa as fãs alucinadas por onde passa. Mas viverá também o lado negro da fama: chantagens e fuga de paparazzi serão comuns.

    “A essa altura do campeonato eu já sabia que estava completa e irremediavelmente viciada em James Bradley. Ele tinha se tornado meu mundo. Eu não conseguia atinar ficar mais do que alguns dias longe dele. Mas eu sabia que tinha que voltar para a minha realidade, nem que fosse por um tempo…”

    “- Na verdade, você pode não acreditar, mas eu… Ah senti saudades… – me informou um James sem graça. Estranho, astros de cinema não ficam sem graça diante de mulheres, ficam? Ele devia estar treinando para um filme de comédia, era isso.”

    A história todo é narrada pela Nina, o que nos ajuda a conhecê-la bastante compartilhando o seu ponto de vista e suas impressões do mundo da fama. Uma escrita leve, gostosa, fácil de ser devorada e muito interessante. Fayes consegue manter o clima do romance até o fim.

    Recomedo sim!

    E quero a continuação, viu Fayes???

    25 comentários :

    1. Para tudo... Adorei a capa, que estoria legal, preciso lê-lo. Esta estoria parece os meus sonhos de adolescente... hehehe

      ResponderExcluir
    2. Ai que capa lindinhaaa!!!
      E não tem nada com o que imaginei.... Pensei que ela seria famosa. XD
      Mas assim fica bem melhor. Ai que sorte logo na chegada encontrar um ator. Essa de cursinhos é bem verdade, por isso sou tão insegura. Fico imaginando que acabaria muda se me deparasse com um americano.
      E a mocinha terá grandes emoções.
      Adorei os quotes que escolheste Drica!!!

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Menina, já passei por uns apuros como esse aqui mesmo no Brasil...

        Excluir
    3. A M S Fayes fará de tudo para tentar dar continuação à saga de Marina e James, Adriana.
      Adorei sua resenha! Super gracinha....adoro observar os pontos de vistas diferentes que vcs acham nos livros...

      Bjuuu

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Vc conhece a M. S. Fayes????????????????????

        Que bom q vc gostou da resenha!

        Excluir
    4. Já li várias resenhas desse livro, e a cada resenha que leio fico com mais vontade de ler o livro!

      ResponderExcluir
    5. Que capa fofaaa! *-*
      Realmente lendo a sinopse e a resnha me encantei! Não imaginava que seria assim a história, muito bacana :D

      Desejando muito este livro<3
      Beijos
      tamigarotaindecisa.blogspot.com.br

      ResponderExcluir
    6. Não conhecia o livro, mas simplesmente AMEI a sua resenha.
      A estória parece ser divertida e surpreendente!

      Beijos

      ResponderExcluir
    7. Adorei a história e vou adorar mais ainda quando ele for meu. Muito bom. Sua resenha me deixou muito feliz,pois já pensava em ler ele. Agora tenho certeza do que vou ler. Beijos.

      ResponderExcluir
    8. Adoro quando tem esse clima de romance na leitura, com certeza vou adorar o livro.

      ResponderExcluir
    9. Parece um livro divertido, leve e gostoso, quero d++++!!

      ResponderExcluir
    10. Gostei...quero ler. Estou participando da promocao!

      ResponderExcluir
    11. Esse livro parecer ser muito bom! E sua resenha me deixou na curiosidade de ler e saber como vai ser o fim desses dois..a Mari parecer ser muito inocente e boa, ja to até com medo de uma decepção amorosa! kkk

      ResponderExcluir
    12. Amei a história do livro. Gosto bastante de livros assim, com uma escrita leve e fácil. Adorei a resenha e a capa é tão fofa*-*

      ResponderExcluir
    13. Nossa vida!!

      Pior que é verdade!
      Se aqui no Brasil as vezes a gente apanha pra entender o que o outro quer por conta de sotaque e girias de região, imagina numa terra estrangeira?!

      Fiz 5 anos de inglês, mas tenho certeza de não aprendi o suficiente!
      Consigo me virar e não chego a passar fome em outro pais, mas a dificuldade na comunicação uma hora sempre aparece!

      Beijokinhas da Giii

      ResponderExcluir
    14. A história parece bastante interessante, espero que não tenha muitas palavras e gírias em inglês, pois não entendo nada. É uma aventura que toda jovem gostaria de viver.
      Nome de seguidora: Miriam Guiraldelli

      ResponderExcluir
    15. A premissa parece clichê, mas eu realmente sou apaixonada por clichês e, em suma, gosto mesmo é de ver como cada autor conduz a trama, e Tapete Vermelho parece ser muito bem desenvolvido. Gostei muito dos quotes - o primeiro é bem realista, rs - e o terceiro uma fofura =3
      Já estou querendo lê-lo!
      Beijos...

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Realmente, Sâmella, Tapete Vermelho é bem lugar comum, mas extremamente bem conduzido pela autora, que já prometeu continuação!!!

        Excluir
    16. Esse livro me lembra muito "Hollywood é como uma escola" e "A Lista Vip", não sei porque, mas me lembra. Gostei muito da resenha, por isso quero ler o livro.

      ResponderExcluir
    17. como tem sido com quase todos os romances que li ultimamente, a mocinha e o mocinho me parecem um pouco clichê: ele lindo de morrer, ela fugindo de alguma decepção amorosa... mas a resenha me fez ter interesse pela história, e principalmente, me fez acreditar que a autora encontrou um caminho e a desenvolveu bem.

      com certeza quero ler :)

      ResponderExcluir
    18. A capa é super fofa ^^
      E pela resenha a história tbm parece ser, e quem não gosta de romance??
      Já quero.

      ResponderExcluir
    19. Adorei o enredo do livro, pareceu ser uma estória muito divertida e muito cativante. É mesmo um conto de fadas viajar para outro país e acabar se deparando com um galã de cinema!
      A personagem parece ser mesmo cativante e é interessante essa questão dos cursos ensinarem o básico básico mesmo haha
      Ótima resenha!
      beijos!

      ResponderExcluir

    O seu comentário alegra o nosso dia!!!