• Home
  • Sobre o Blog
  • Colaboradores
  • Contato
  • Resenha da Dani: O Diário de Suzana para Nicolas, James Paterson - Arqueiro

    Autor: James Patterson

    Título Original: Suzanne’s Diary for Nicholas


    Editora: Arqueiro

    Ano: 2011


    Páginas: 131

    Sinopse: 
    Depois de quase um ano juntos, o poeta Matt Harrison acaba de romper com Katie Wilkinson. A jovem editora, que não tinha qualquer dúvida quanto ao amor que os unia, não consegue entender como um relacionamento tão perfeito pôde acabar tão de repente.
    Mas tudo está prestes a ser explicado. No dia seguinte ao rompimento, Katie encontra um pacote deixado por Matt na porta de sua casa. Dentro dele, um pequeno volume encadernado traz na capa cinco palavras, escritas com uma caligrafia que ela não reconhece: “Diário de Suzana para Nicolas”.
    Ao folhear aquelas páginas, Katie logo descobre que Suzana é uma jovem médica que, depois de sofrer um infarto, decidiu deixar para trás a correria de Boston e se mudar para um chalé na pacata ilha de Martha’s Vineyard. Foi lá que conheceu Matt. E lá nasceu o filho deles, Nicolas.
    Por que Matt teria lhe deixado aquele diário? Agora, confusa e sofrendo pelo fim do relacionamento, é nas palavras de outra mulher que Katie buscará as respostas para sua vida.
    O diário de Suzana para Nicolas é uma história de amor que se constrói ao virar de cada página. Cada revelação é mais uma nuance sobre seus personagens. Cada descoberta é um fio a mais a ligar vidas que o destino entrelaçou.


    Minha opinião:

    A história começa com Katie lamentando o fim de seu namoro com Matt, mais adiante ela descobre um embrulho, fica tentada a jogá-lo fora, mas a curiosidade fala mais alto. A surpresa estava por vir: ali dentro estava um diário. A caligrafia diferente e o nome “Diário de Suzana para Nicolas” lhe fizeram mal, mas ela foi em frente sabia que este era o nome da esposa de Matt, mas por que ele enviou o diário? Quem seria Nicolas? E aquele aviso?

    “Querida Katie,
    Nada do que eu dissesse ou fizesse poderia chegar perto de expressar o que estou sentindo. Foi tudo culpa minha. Assumo a responsabilidade. Sinto muito pelo que permiti que acontecesse entre nós. Você é perfeita, maravilhosa, linda. Não foi você. Fui eu.
    Talvez esse diário explique as coisas melhor do que eu jamais conseguiria. Se puder, leia-o.
    É sobre minha mulher, meu filho e eu.
    Preciso avisá-la, porém, de que algumas partes provavelmente serão difíceis de suportar.
    Nunca planejei me apaixonar por você, mas me apaixonei.
    Matt” (pág. 10)

    Por mais doloroso que seja ela avança na leitura e descobre que Suzana Bedford sofreu um infarto aos 35 anos e depois disso decidiu que o trabalho como médica não comandaria sua vida. Então pega suas coisas e muda para Martha’s Vineyard. Continuará atendendo pacientes com menos frequência, após procurar bastante, encontra uma casa perfeita para ser um lar, próxima do hospital e de frente para o mar. Com a necessidade de reformas, ela contrata um faz tudo que se encanta por ela, mas ela tinha reencontrado outra pessoa.

    O livro é abordado ora pelo ponto de vista de Katie, ora pelos relatos de Suzana.

    Katie é jovem, trabalha como editora e não entende o porquê de Matt ter sumido no dia em que revelou ter vendido seu livro de poemas. A seu ver estava tudo perfeito, prestes a ser pedida em casamento.

    Suzana nos dá várias lições de vida. Como a importância da família e saúde acima do trabalho. O amor que ela sente pelo pequeno Nicolas, cada situação tensa pela qual passou. Você precisa ler para ter ideia, as palavras dela farão com que reflita e se emocione.

    Não leiam este livro em local público se você chora com facilidade e reserve muitos lencinhos. Que tal embarcar na leitura de “O diário de Suzana para Nicolas” o mais rápido possível? Pois só assim vais descobrir toda a trama, eu não contarei nada.

    James Patterson me encantou com as lindas palavras expostas como os sentimentos destas duas mulheres que além de trabalhar muito têm em comum o amor por Matt. A obra é encantadora, emocionante e bem reflexiva.

    9 comentários :

    1. Salve, salve, Dani!

      "O Diário de Suzana para Nícolas" é um dos meus livros favoritos. James escreveu este livro com tamanha simplicidade que só de lembrar do enredo os meus olhos já se enchem de água. A obra é incrivelmente perfeita! A relação dos personagens principais e as ações dos personagens secundários foram muito bem descritas pelo autor. Ao ler os livros policiais do James fico pensando se algum dia ele conseguirá escrever um livro com uma carga emocional tão grande quando este. Ah, e a sua resenha está ótima, parabéns!

      Um abraço, http://umleitoramais.blogspot.com.br/.

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oi Leonardo, adorei teu comentário e teu ponto de vista. Eu não tenho como comparar, pois não li nenhum dos livros policiais dele ainda. Mas com toda certeza "O diário..." é de uma sensibilidade única, especialmente se parar para ver que nos mostra sob a ótica de mulheres.
        Muito obrigada por comentar!!! =)

        Excluir
    2. Oi Adriana! Adorei o seu blog!!
      Esse livro parece ser ótimo! E vou ter que aceitar o seu conselho de lê-lo sozinha, porque eu choro mesmo!
      Eu sou fã de carteirinha do James Patterson, e acho que vou ter que ler mais esse! Rs!
      bjs,
      Bia
      (www.livroscompimenta.com.br

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Fico feliz por ter gostado do blog, e siga o sábio conselho da Dani!

        Excluir
      2. Oi Ana Beatriz, se já é fã do James não pode esperar para ler este, foi minha primeira experiência com o autor e amei. Extremamente real e sentimental. =)
        Obrigada por comentar.

        Excluir
    3. Esse livro é muito bom, e admito que quando o comprei não imaginava que fosse tão emocionante e surpreendente.
      Só não chorei pq me controlei muito, concordo com tudo na tua resenha.


      http://confraria-cultural.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    4. Oi Alessandra,
      Eu não esperei muito dele não, até por conta de ser tão fininho... mas foi uma grata surpresa.
      Eu sou uma manteiga derretida, hahaha.
      Obrigada por comentar!!!

      ResponderExcluir
    5. Adorei a resenha! Gosto muito de livros que contenham diários ou cartas e fiquei curiosa para ler este. O enredo parece ser mesmo muito bom, fiquei curiosa para saber mais sobre a vida de Suzana e a mensagem que o livro passa é muito interessante, deve fazer o leitor refletir muito. Vou colocar na lista, adoro livros assim!
      beijos

      ResponderExcluir

    O seu comentário alegra o nosso dia!!!