• Home
  • Sobre o Blog
  • Colaboradores
  • Contato
  • Resenha da Dani: A lista do nunca, Koethi Zan - Paralela

    A lista do nunca

    Título original: The never list

    Autora: Koethi Zan 
     
    Editora: Paralela

    272 páginas

    Sinopse:

    Quando a ficção é tão assustadora quanto a realidade - Koethi Zan

    Depois de um acidente de carro que sofreram quando ainda tinham dez anos, Sarah e Jennifer, amigas inseparáveis, passaram anos escrevendo o que chamaram de Lista do Nunca: uma lista de ações e atitudes que deveriam ser evitadas, a qualquer custo, para que se mantivessem sãs e salvas. Numa noite, no entanto, ao entrarem em um táxi, o destino das duas garotas as levou a um lugar que certamente não considerariam nem um pouco seguro. Sequestradas por um homem frio e adepto do sadismo, elas ficam acorrentadas em um porão com mais duas garotas por três anos. Dez anos depois de conseguir fugir, Sarah ainda tenta levar uma vida normal. Seu contato com pessoas se limita ao porteiro que diariamente entrega o que ela precisa para sobreviver e à sua psicóloga, que tenta ajudá-la a enfrentar cada novo dia. Seu sequestrador, porém, está prestes a conseguir uma condicional e, mais do que preparar um belo discurso de vítima, Sarah sente que este é o momento de agir. Para isso, vai enfrentar seus terríveis traumas em busca de uma história que nunca fora revelada.


    Oi, galerinha,

    A lista do nunca é um triller de suspense bem intenso, com cenas de tirar o fôlego, é impossível não torcer pela mocinha. 

    Caroline, ou deveria dizer, Sarah passou por um trauma enorme que deixou sequelas físicas e psicológicas. Apesar de ter elaborado com a ajuda de Jennifer, sua amiga de infância, uma lista com tudo o que deveriam evitar, elas acabam sendo sequestradas e torturadas. Trancadas com mais duas garotas num porão escuro elas passam três anos em condições precárias e humilhantes.

    Agora dez anos depois, Jack Derber, o sequestrador, está prestes a ir à julgamento para condicional. E após receber uma carta dele Sarah tem certeza de que há uma mensagem secreta no texto sem lógica que recebe.

    Surpreendendo o agente do FBI Jim McCordy e certa de que deve buscar por conta própria pistas que a levem ao corpo de Jennifer, Sarah enfrenta seus medos e fobias e deixa a segurança de seu apartamento em Nova York para retornar ao Oregon, e munida do que tem certeza serem novos fatos encontra com as outras duas sobreviventes.

    De início não sabemos exatamente o motivo de Tracy e Christine odiarem Sarah, mas é bom ter essa curiosidade atiçada e não se preocupe que obteremos respostas.

    Numa busca perigosa ela e Tracy descobrem novas peças do quebra cabeça e você se vê preso na narrativa que vagueia de presente para passado sem nos deixar desnorteados.

    Conhecemos a vida das sobreviventes antes dos sequestros e depois, como cada uma lidou com o trauma.

    Gostei muito dos personagens, foram bem elaborados e cada um teve seu destaque, você terá muitas dúvidas e incertezas sobre a inocência de certos personagens e as revelações finais são surpreendentes.

    Este é um livro nada previsível, onde nem tudo é o que parece ser e só temos sossego ao concluir a leitura e satisfazer a curiosidade!

    Corram para conferir A lista do nunca e preparem-se para muitas emoções.
      
    O detalhe da capa brasileira é bem interessante com 32 itens da lista, tais como: Nunca pegue carona; nunca grite socorro, grite Fogo. As pessoas são covardes; etc.

    A capa americana para vocês conferirem:



    E vocês? Gostam de suspense? Pretendem ler? 




     

    7 comentários :

    1. Que delícia!! Do jeito que eu gosto!!
      Muita violência, sequestro, medo...
      Ganhei e não vejo a hora de conseguir ler. Adorei a resenha!

      Bjkas

      Lelê Tapias
      http://topensandoemler.blogspot.com.br

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. É bem forte, tem cenas eletrizantes e de deixar qq um sem fôlego.
        Espero que gostes da leitura.
        Obrigada pelo comentário.

        Excluir
    2. Achei mega interessante, especialmente por ser bem intenso como vocẽ falou no post. Cheio de violência e medo, acho que tem uma boa história a ser desenvolvida né???

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. A trama é bem elaborada e todas as pontas são amarradas ao fim. Sei que fiquei mais que ansiosa para concluir a leitura e poder respirar aliviada.
        Obrigada pelo comentário.

        Excluir
    3. Que legal, já li uma resenha deste livro e me interessou bastante. Gostei muito da sua opinião também, adoro trillers e suspense e fiquei com muita vontade de ler, gostei de saber que não tem nada de previsível no livro!
      beijos ♥

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Foi um livro surpreendente, adoro suspense, e uma boa investigação, essa tem o plus de ser planejada e praticada por pessoas inexperientes e com traumas, daí foi impossível não torcer. Além de ter personagens dúbios que nos deixam sempre na dúvida.
        Obrigada por comentar!!!

        Excluir
    4. Gente que livro é esse que eu nao conhecia ? Suspense, investigação e mais um pouco. E pensar que houveram pessoas que passaram por situação parecida ja noticiado na tv dos EUAS.
      Tracy e Christine que odiavam Sarah eram as outras duas meninas sequestradas tambem ? E Jennifer morreu no cativeiro ? QUantas duvidas, preciso desse livro pra ontem. A capa brasileira é infinitamente mais bonita.

      ResponderExcluir

    O seu comentário alegra o nosso dia!!!