• Home
  • Sobre o Blog
  • Colaboradores
  • Contato
  • Resenha da Vic: A Teoria de Tudo, Jane Hawking - Única

    Titulo: A Teoria de Tudo

    Autor(a): Jane Hawking

    Editora: Única

    Ano: 2014

    Páginas: 448

    Nota: 3/5

    Sinopse: 

    A Teoria de Tudo - A história de Stephen Hawking é contada pela luz da genialidade e do amor que não vê obstáculos. Quando Jane conhece Stephen, percebe que está entrando para uma família que é pelo menos diferente. Com grande sede de conhecimento, os Hawking possuíam o hábito de levar material de leitura para o jantar, ir a óperas e concertos e estimular o brilhantismo em seus filhos entre eles aquele que seria conhecido como um dos maiores gênios da humanidade, Stephen.


    Descubra a história por trás de Stephen Hawking, cientista e autor de sucessos como Uma breve história do tempo, que já vendeu mais de 25 milhões de exemplares. Diagnosticado com esclerose lateral amiotrófica aos 21 anos, enquanto conhecia a jovem tímida Jane, Hawking superou todas as expectativas dos médicos sobre suas chances de sobrevivência a partir da perseverança de sua mulher. Mesmo ao descobrir que a condição de Stephen apenas pioraria, Jane seguiu firme na decisão de compartilhar a vida com aquele que havia lhe encantado. Ao contar uma trajetória de 25 anos de casamento e três filhos, ela mostra uma história universal e tocante, narrada sob um ponto de vista único.

    Stephen Hawking chega o mais próximo que alguém já conseguiu de explicar o sentido da vida, enquanto Jane nos mostra que já o conhecia desde sempre: ele está na nossa capacidade de amar e de superar limites em nome daqueles que escolhemos para compartilhar a vida. O livro que inspirou o emocionante filme A Teoria de Tudo.


    A Teoria de Tudo conta a história da vida de Stephen e sua esposa Jane Hawking. Stephen é um físico teórico e cosmólogo britânico e um dos mais consagrados cientistas da atualidade. Doutor em cosmologia, foi professor lucasiano de matemática na Universidade de Cambridge, onde hoje encontra-se como professor lucasiano emérito, um posto que foi ocupado por Isaac Newton, Paul Dirac e Charles Babbage. Atualmente, é diretor de pesquisa do Departamento de Matemática Aplicada e Física Teórica (DAMTP) e fundador do Centro de Cosmologia Teórica (CTC) da Universidade de Cambridge.

    O livro se inicia na década de 60, quando Stephen e Jane se conhecem. O livro é bastante detalhado nessa parte e dá para realmente imaginar as cenas. Tudo é contado durante os mais de vinte anos de casamento deles até a separação em 1991. O livro misteriosamente não fala o porquê, e creio que muitos ficaram curiosos para descobrir o motivo da separação. 

    A autora diz que um casamento é integrado basicamente por duas pessoas mas que, no seu caso, sempre houve uma terceira integrante: a doença de Stephen. Conviver com os efeitos da degeneração foi em especial complicado para a esposa dedicada, que sempre cuidou do marido, assim como de seus filhos. Após um tempo, a genialidade do físico envolve uma quarta integrante a esse casamento já tão complexo: a física. As fórmulas e equações sempre atingiram um lugar que a esposa nunca conseguiu atingir em Hawking.

    Jane recebe cada vez menos atenção do marido, que vai aos poucos ficando famoso e conquistando seu lugar no mundo. Diversas vezes, percebemos como ela se sente deslocada, inútil, ignorante e desprezada. A genialidade de Stephen a ofusca e ela abre mão de seus sonhos para se dedicar à família e à carreira do marido. 

    O ponto mais interessante da narrativa são os embates clássicos entre os dois que ocorreram durante todo o casamento dos Hawking: a fé. Ateu declarado, Deus não tem espaço nas teorias de Stephen. Enquanto isso, Jane se apega à fé para aguentar tudo o que lhe foi designado. Com o tempo, essas e outras diferenças vão interferindo no relacionamento do casal e o resultado é o que nós conhecemos hoje em dia. 

    O livro tem poucos diálogos e 90% dele é Jane narrando. Esse é o grande problema do livro. Por mais interessante que seja a história de vida dos dois, a narrativa da Jane é totalmente maçante, no qual fica extremamente tedioso em um livro de 448 páginas.

    O trabalho da editora está belíssimo e a capa está divina. Para quem quer conhecer mais um pouco sobre Stephen e sua esposa, é uma boa pedida. 

    Vejam o trailer da adaptação cinematográfica que estreou este ano.






    8 comentários :

    1. Já faz um tempo que eu gostaria muito de assistir o filme, pois eu amei o trailer e vi várias pessoas dizendo que o filme é ótimo! Semana passada eu soube que tinha o livro e fiquei mais ansioso ainda. Não sabia que eles se separam em um momento da história, e agora fiquei super curioso para saber o motivo! Fico feliz pelo Eddie ter ganhado o Oscar de Melhor Ator, por interpretar o Stephen. <3 Provavelmente, eu irei assistir o filme pela internet e, com certeza, me emocionar com a sua história de vida. Gostei bastante da capa do livro, pois nos remete uma grande história de amor!

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Olá Luis!
        O filme é muito bom, em comparação com o livro, prefiro mil vezes. Apesar que o livro é bem mais rico em detalhes. Apesar da narrativa da Jane ser maçante, achei ótimo a experiência de saber mais sobre o Srephen. A Oscar para o Eddie foi bem mais que merecido!

        Beijos,
        Vic Bastos

        Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      ResponderExcluir
    3. Tenho certeza que a história dele é legal mas mais de 400 páginas de narrativa da esposa dele não é pra mim, vou ver só o filme mesmo.

      ResponderExcluir
    4. Vic!
      Seu que é tipo uma biografia da vida dela ao lado do Stephen e que por isso talvez seja um tanto enfadonha de ler, mas o que não me estimula a leitura (talvez prefira assistir o filme) é a forma como ela levou o casamento adiante, mesmo sabendo da doença dele e depois o deixa, sabe... isso não entra na minha cabeça.
      cheirinhos
      Rudy

      ResponderExcluir
    5. Oi Vic esse ivro pra mim e perfeitoooo..
      nossa como eu quero ele.. parece ser mto emocionate envolvente
      e muito triste tbm.. a historia e de descobertas e fascinantes..
      so pela a resenha ja ameeei rsrsrs
      bjoos

      ResponderExcluir
    6. Já ouvi muitos elogios ao livro, agora também ao filme.
      Estou curiosa pra conhecer a historia de Stephen Hawking.
      Saber como tudo começou e toda a caminha pra se tornar o que ele é hoje.

      É bom saber que é um livro bem detalho, assim não dá pra perder. Fica a curiosidade pra saber o motivo da separação.
      Uma historia linda.

      ResponderExcluir
    7. Amei o filme, ganhei esse livro e não vejo a hora de receber ele pra começa a ler, mesmo essa resenha sendo meio negativa continuo bastante interessada em conferi essa história no papel.

      ResponderExcluir

    O seu comentário alegra o nosso dia!!!