• Home
  • Sobre o Blog
  • Colaboradores
  • Contato
  • Lendo com a Dani: O homem de Montana, Barbara Delinsky

    Lily Danziger só queria se sentir segura...Ao descobrir que todo o dinheiro do mundo não podia comprar felicidade, ela havia abandonado um casamento falido e uma vida de aparências. Em fuga, com uma filha recém-nascida e sem ninguém com quem contar, ela seguia em sua busca por um novo lar... Até uma tempestade de neve pôr sua única chance de sobrevivência nas mãos de um estranho. 

    Ele era o típico caubói, com chapéu Stetson, voz grave e modos rudes. Um homem com o coração ferido, que jamais acreditara no amor. A razão lhe dizia que, ao pegar carona com Lily, se deparara com mais do que uma mulher e uma criança indefesas. Ele havia encontrado duas pessoas que precisavam de sua proteção... e talvez sua verdadeira razão de viver.





    O homem de Montana (Montana Man)

    Autora: Barbara Delinsky

    Harlequin Books (2008)

    308 páginas


    Uma tempestade de neve, uma motorista perdida em fuga com um bebê a tiracolo, quem poderia salvar estas duas?

    Eis que Lily avista um homem alto, com chapéu de caubói pedindo carona. Ela para e arrisca colocar as duas em problemas? Em contrapartida ele poderia ser de grande ajuda...

    Estes dois não poderiam ser mais diferentes... Lily é romântica, jovem, sonhadora, está fugindo, mas de quem?

    Quist é mau humorado, reclamão e não está disposto a muita conversa.

    Os acessos de raiva dele me fizeram rir, e ao mesmo tempo pensava que no lugar da Lily iria bater nele.

    Mas afora seus comentários mordazes e machistas aos poucos vemos que há uma luz no fim de tanta revolta contra as mulheres.

    Os dois têm uma atração que vai chegar no ápice quando estiverem presos pela nevasca. A medida que as camadas protetoras que ele tem vão por terra, Lily consegue entender um pouco mais de Quist e suas mágoas.

    E o motivo dele estar em meio á tempestade é revelado e nos deixa aflitos sobre o que acontecerá quando eles enfim forem resgatados. 

    Haverá um nós para Quist, Lily e Nicole? 

    A autora me ganhou com a interação do grandalhão com a pequenina Nicki. São cenas divertidas e tão ternas que nos encanta e assusta o caubói.

    E você? Acredita que Lily conseguirá uma chance de provar para Quist que ela não é como as mulheres que passaram por sua vida? Será que ele vai se permitir enxergar o que está surgindo?

    Um livro que recomendo sem pestanejar. =)




    12 comentários :

    1. Se eu visse esse livro numa livraria, eu não o compraria por causa da capa, pois ela não me chamou atenção ao ponto de me interessar. Mas lendo a resenha, podemos ver que o livro aparenta ter um bom conteúdo, tanto pela história quanto por conter o machismo como um dos temas do livro!

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Olá Luis,
        Realmente a capa não chama atenção, mas foi um livro com surpresas e esse casal se alfinetando, é bem legal. O Quist é um machista "com causa", por assim dizer. Mas a Lily vai mostrar que mulheres podem sim ser diferentes do conceito dele.
        Obg

        Excluir
    2. Oi Dani!
      Eu acho que nunca li nada da autora. os livros de banca possuem umas histórias tão gostosas... Com certeza leria esse livro, se eu o ver em algum sebo com certeza não pensarei duas vezes!
      Bju
      Fabi
      Romances & Sonhos

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oi Fabi,
        Sempre tive curiosidade quanto aos livros da autora e quando esse livro chegou em minhas mãos foi uma felicidade.
        Lembra um tanto a Diana Palmer, mocinho turrão, mas essa mocinha já passou por tanta coisa que tira o Quist de letra.
        Eu acredito que faz bem seu tipo.
        Obrigada.

        Excluir
    3. Ah, assim, curti bastante a sua resenha, mas acabei que não me senti atraído pela leitura :/

      A história parece bem legal mesmo, até me lembrou um pouco do A Escolha, romance de Nicholas Sparks, não sei porque .-.

      Jhonatan | Leitura Silenciosa
      PARTICIPE DO NOSSO TOP COMENTARISTA E CONCORRA A DOIS LIVROS INCRÍVEIS!

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oi Jhonatan,
        Entendo que não faça seu estilo. Obrigada pelo comentário.

        Excluir
    4. Dani!
      Os romances da Bárbara são sempre carregados de situações estranhos e que merecem um leitura.
      Daqui fico na torcida para que tudo tenha dado certo aos protagonistas e tenha final feliz! Adoro finais felizes!
      Semaninha abençoada!
      “O segredo da felicidade é encontrar a nossa alegria na alegria dos outros.” (Alexandre Herculano).
      Cheirinhos
      Rudy
      http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Rudy,
        Este foi meu primeiro contato com a autora e adorei. Lembrou um cadinho a Diana Palmer. Impossível não ficar na torcida durante a leitura. kkk
        Obg

        Excluir
    5. nossa , o livro me interessou bastante , me deixoou bem intrigada , oq erá que vai acontecer com eles ? qual foi o motivo por ele estar pedindo carona ? ai mds , preciso do livro ! estou c essas perguntas a cabeca agr !

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oi Raquel,
        Esse livro me deixou bem curiosa também... e o Quist de cara dificulta tudo... mas à medida que a trama desenrola entendemos o lado dele.
        Obg

        Excluir
    6. Eu tinha muita curiosidade em ler um livro da autora, porque há aaanos li um site (americano) que dizia que a autora era parecida com a Nora Roberts. Eu estava numa época da minha vida literária que só lia e comprava Nora Roberts. Li um livro dela e, apesar de não ser uma história ruim, não achei lá essas coisas, talvez pela expectativa com a comparação com a Nora Roberts. Anos depois, qndo já não estava mais tão fissurada na Nora assim, resolvi ler outro livro da autora e esse sim não achei lááá essas coisas não. Desde então, não tive mais muita vontade de ler outra coisa dela. Esse aí parece ser interessante - e tem cowboy, que eu adoro - mas a mocinha não é bem meu estilo (recém separada e com filho de outro). Eu, particularmente, não curto muito. Mas nunca digo nunca para um livro, pois não seria a primeira vez que fui surpreendida por uma história. Então quem sabe um dia, né?!

      =)

      Suelen Mattos
      ______________
      ROMANTIC GIRL

      ResponderExcluir
    7. Oi!
      Adorei temos personagens tão diferentes e que nunca imaginaríamos juntos também e legal quando vemos personagens que tem atitudes tão reservados e fechadas acabarem nos conquistando !!!

      ResponderExcluir

    O seu comentário alegra o nosso dia!!!