• Home
  • Sobre o Blog
  • Colaboradores
  • Contato
  • Lendo com a Dani: O nome em seu pulso, Helen Hiorns - @faroliterario

    No mundo em que Corin vive, logo nos primeiros anos de vida o nome da sua alma gêmea é marcado para sempre no seu punho. A busca pela pessoa predestinada pode durar anos, até mesmo décadas. Mas e se você nunca encontrar essa pessoa? Ou se encontrar e simplesmente não amá-la? E se, como Corin, a última coisa que você quiser é ser encontrado? 

    O nome em seu pulso (The name on your wrist)
    Autora: Helen Hiorns
    Farol Literário (2015)
    256 páginas 



    Uma distopia...



    Corin Blacksmith, 19 anos, uma garota rebelde que não se dá bem com a mãe e a irmã, tem uma péssima reputação e uma paixão por quebrar regras.



    Numa Inglaterra pós terceira guerra mundial, com um governo controlador e política ferrenha, ela se questiona sobre a verdade nos nomes em seus pulsos.



    Corin não é bem vista na escola, não tem amigos, é uma brigona. Um tanto sem coração.



    Jacinta Blacksmith tem uma parcela de culpa no comportamento da irmã e, aos poucos, a autora nos mostra o que houve.



    A mãe delas é um personagem até desnecessário, poucas vezes interagindo, geralmente apenas citado.



    A questão de almas gêmeas ou como no livro: Anima-vinculum, trata-se de buscar a pessoa com o nome no pulso. Ou seja, Fulana tem no pulso escrito Beltrano, tem que buscar essa pessoa. Porém, gera o fato de honestidade.



    Como não podem tirar o protetor de pulso até a noite de núpcias, obviamente há quem se aproveite.



    Achei o livro arrastado, para mim melhorou após a página 110, quando o Colton aparece mais e toma um pouco do foco da Corin.



    Colton é um impuro, seus pais não são anima-vinculum, mas se o governo prega que essas relações não duram e são infelizes, a família Furnish é uma feliz exceção.



    Gostei do bom humor do rapaz, da visão otimista, do respeito a regras. Ele , sempre que necessário, esteve ao lado de Corin.



    A reta final do livro nos deixa confusos, talvez tanto quanto Corin. Mas, com toda certeza, a última conversa entre as irmãs foi um ponto positivo.



    Os motivos do governo para tanta regulação foram bem explicados, mas em minha opinião a autora deixou a desejar nas atitudes da mocinha. 





     Comentários nesta resenha valem pra o Top Comentarista. Clique e saiba mais.


    18 comentários :

    1. Tão triste quando lemos um livro assim =/
      Acontece. Leituras melhores virão!
      Beijinhos
      Rizia - Livroterapias

      ResponderExcluir
    2. OIee.

      Não tinha conhecimento do livro e não fiquei curiosa para ler. Sua resenha está ótima e bem sincera, mas mesmo se fosse positiva não teria vontade de ler

      Beijos
      Amor Literário

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oi Fernanda,
        Obrigada. Procuro manter a sinceridade em todas as resenhas, e se já não queria ler, menos mal. kkk

        Excluir
    3. Nossa, que pena que o livro não empolgou.... eu até tinha curiosidade sobre ele, mas acho que vou deixar passar, rsrs....

      =)

      Suelen Mattos
      ______________
      ROMANTIC GIRL

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oi Suelen,
        Não rolou química comigo... mas é uma questão complicada.
        Obrigada.

        Excluir
    4. Oi Dani, não fiquei com muita vontade de ler e ainda com estes pontos levantados por você não ajudaram a me empolgar.
      Bjs, rose

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oi Rose,
        Quem sabe você acabe por gostar...
        Obrigada.

        Excluir
    5. Nossa, nota 2 pro livro? Fiquei surpresa viu?!
      Pq eu já li varias resenhas e todas falaram bem, nao foi aquele livro lindo e tal, mas gostaram.
      O nome em seu pulso eu me interessei pela sinopse, achei diferente o jeito de falar da distopia.
      Ja vi que nao se simpatizou com a mocinha, mas ainda sim animei de ler e conhecer a obra, espero que eu goste mais..hehe
      A capa achei bem bonita, relacionando com o titulo.
      Beijos

      https://fuxixiu.wordpress.com/
      https://meumundinhoficticio.blogspot.com.br

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. A capa é linda, a ideia também. Mas gosto de uma mocinha de atitude sabe, Suzzy?
        Espero que leia e goste.
        Obrigada.

        Excluir
    6. Olá
      Olhe pra ser sincera eu gostei bastante da ideia do livro, pra começar é diferente de tudo que já vi e coisa nova sempre me interessa, então sei que você não gosto, mais eu ainda me sinto interessada a ler.
      Bjocas

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Rose,
        Dei apenas minha opinião... não é lei. Fico extremamente feliz em saber que continua interessada em ler.
        Espero que para você ele funcione.
        Obrigada.

        Excluir
    7. Dani!
      Tão triste quando um livro nos decepciona, principalmente, uma distopia, que dá margem há imaginação e deveria ser um livro mais criativo e dinâmico.
      “Temos a arte para não morrer da verdade.”(Friedrich Nietzsche)
      cheirinhos
      Rudy
      http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
      Participem do nosso Top Comentarista, serão 3 ganhadores!

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oi Rudy,
        Pois é... depois de Juliette e Kyla... fica complicado aceitar uma mocinha tão "quieta".
        Obrigada.

        Excluir
    8. Sua resenha está muito boa, que pena que a história do livro não te agradou muito, eu quero muito ler esse livro, achei bem interessante isso de possuir o nome da alma gêmea no pulso.

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oi Mariele.
        Livros são assim mesmo, atraem uns, afastam outros. Como tudo em nossa vida.
        Obrigada.

        Excluir
    9. Li algumas resenhas e comentários sobre esse livro e fiquei bastante surpresa pois encontrei pessoas que se decepcionaram com a trama e gente que simplesmente amou. Quando acontece isso, fico doida pra ler o livro e ver por mim mesma o porque da divergência. Já anotado para ler.

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Maristela,livros controversos são uma boa opção,nada melhor que ler e ver por si.
        Obrigada

        Excluir

    O seu comentário alegra o nosso dia!!!