• Home
  • Sobre o Blog
  • Colaboradores
  • Contato
  • Resenha da Vic: Filha da Ilusão, Teri Brown - @Valentina

    Titulo:  Filha da Ilusão

    Livro 1

    Série: Herdeiros da Magia

    Autor(a): Teri  Brown

    Editora: Valentina     

    Páginas: 288

    Sinopse
    Ilusionista talentosa, Anna é assistente de sua mãe, a famosa médium Marguerite Van Housen, em seus shows e sessões espíritas, transitando livremente pelo mundo clandestino dos mágicos e mentalistas da Nova York dos anos 1920. Como filha ilegítima de Harry Houdini - ou pelo menos, é o que Marguerite alega - os passes de mágica não representam um grande desafio para a garota de 16 anos: o truque mais difícil é esconder seus verdadeiros dons da mãe oportunista. Afinal, enquanto os poderes de Marguerite não passam de uma fraude, Anna consegue realmente se comunicar com os mortos, captar os sentimentos das pessoas e prever o futuro.
    Porém, à medida que os poderes de Anna vão se intensificando, ela começa a experimentar visões apavorantes que a levam a explorar as habilidades por tanto tempo escondidas. E, quando um jovem enigmático chamado Cole se muda para o apartamento do andar de baixo, apresentando Anna a uma sociedade secreta que estuda pessoas com dons semelhantes aos seus, ela começa a se perguntar se há coisas mais importantes na vida do que guardar segredos. Mas em quem ela pode, de fato, confiar? 
    Teri Brown cria, neste fantástico romance histórico, um mundo onde pulsam a magia, a paixão e as tentações da Nova York de Era do Jazz - e as aventuras de uma jovem prestes a se tornar senhora do seu destino.



    Anna é uma adolescente, filha da médium Madame Marguerite e do famoso ilusionista Harry Houdini. Ela cresceu em meio as apresentações da mãe, que faz  algumas sessões espíritas clandestinas em Nova York.

    Ela crê que, graças ao seu pai, herdou alguns dons que ela faz de tudo para esconder da mãe. Anna é bastante sensitiva, tem domínio da clarividência e tem algumas visões. Trabalhando como assistente nos shows da mãe, ela teme que sua mãe descubra os seus dons e isso acabe tornando ela obcecada, querendo lucrar com as suas habilidades, fazendo com que Ana nunca mais tenha paz.

    "Jamais contei a ela o quanto adoro praticar o ilusionismo. É um segredo que guardo a sete chaves, com medo de que ela comece a perseguir minha vocação se eu a revelar. Às vezes faço de conta que estou estrelando meu próprio show".

    Só que a situação das duas é bem complicada. Ana e a mãe não tem residência fixa e ficam perambulando por Nova York. Pode existir algum glamour em fazer shows, mas a necessidade fala mais alto, e essa é a única forma de Margarite sustentar ela e a filha.

    Ser ilusionista na década de 20 era uma prática ilegal, então além de procurar lugares para se apresentar Margarite ainda tem que ser cuidadosa para não ser presa mais uma vez. Porém, as coisas em Nova York começaram a mudar, e pode-se dizer que as duas estão vivendo uma instabilidade financeira. 

    Sempre bem requisitada, com shows acontecendo com frequência... Mas Anna começa a ter umas visões estranhas sobre o seu futuro com sua mãe. E é notável que existe algo perigoso e real por trás dos truques. Procurar uma organização que estuda fenômenos paranormais é a melhor opção para ela. Mas as visões continuam e alguém a está perseguindo mas Anna não sabe com quem está lidando.

    "Flashes elétricos. Imagem após imagem. Uma água como tinta negra me rodeia. Desorientada e confusa, não consigo encontrar a superfície. Meus braços tornaram-se inúteis, amarrados com força às minhas costas, e meus pulmões ardem pela falta de oxigênio. A morte ronda ao meu redor como um tubarão cada vez mais próximo, mas não é por mim que estou aterrorizada. O rosto de minha mãe se acende à minha frente, as narinas dilatadas, os olhos arregalados de pavor, e eu a ouço gritar meu nome uma vez atrás da outra".

    Primeiramente, que capa é essa!!!!!!!

    Ok, voltando para a resenha, eu sou apaixonada por tudo que envolva misticismo/ilusionismo/práticas espiritas e muitas outras que não vem ao caso rs, e, diga-se de passagem, o livro já me ganhou pela sinopse.

    Algumas coisinhas bem interessantes sobre o livro:

    • É ficção, mas tem muita coisa verídica ai! *Que coisa obvia, Vic!* Não, gente, me deixa explicar...
    • Primeiramente, o suposto pai da Anna, porque a Marguerite não confirmou (pelo menos não no livro 1) que o Harry Houdini é pai dela, não é nada mais, nada menos, do que a referência do real e eterno Harry Houdini (nome artístico de Ehrich Weisz) que foi um dos mais famosos escapologistas e ilusionistas da história.
    • O cenário da história é Nova York, quase iniciando a 2ª Guerra Mundial, então temos muitas referências da época, muito jazz, teatro, ópera, espartilhos... E além do Harry, outras personalidades são citadas, como Arthur Conan Doyle, que no livro é um dos integrantes do Centro de pesquisas paranormais.

    Como boa fã de ilusionismo, posso dizer firmemente que toda a história que envolve o tema, foi a mais real possível.

    Ou seja,  Filha da Ilusão também é história, minha gente!!!

    Enredo maravilhoso, alucinante, que prende o leitor do inicio ao fim. Sobre a capa, posso dizer de novo que ela tá linda??? Diagramação muito bem feita, revisão impecável.

    A Filha da Ilusão é o primeiro livro da trilogia Herdeiros da Magia que, aliás, eu não vejo a hora de ler!!!

    Teri Brown e Editora Valentina, precisamos URGENTE da continuação.

    E só uma última coisa, a Anna é muito amor! <3


    "Porque a verdade é que o que as pessoas dizem nem sempre é o que sentem."





    11 comentários :

    1. Amo livros que envolvem magia e nunca tinha visto um sobre ilusionistas, me interessei bastante por essa trilogia! A capa é mesmo linda e a história parece incrível, sei que vou me envolver ao máximo <3 QUERO!!!! Abraços =D

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oi, Dan!
        Leia, leia e leia!
        Muito lindo, você vai se apaixonar.
        Beijos,
        Vic.

        Excluir
    2. Oi, Vic!
      UAU! Gente, esse livro deve ser muito bom. Eu amo ilusionismo e com os fatores que você listou aumentou meu interesse.
      Beijos
      Balaio de Babados
      Participe do sorteio do livro Marianas | Participe do sorteio Mês das Mulheres em Dobro
      Porcelana - Financiamento Coletivo

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oi, Luiza!
        Se você é fã de ilusionismo, corre logo para ler garota! Se jogue! kkkkkkk *coisa de baiano*
        Beijos,
        Vic

        Excluir
    3. Olá!
      Não conhecia esse livro e já me ganhou!
      Adoro livros que tem magia, mistério...e eu nunca li um livro falando sobre ilusionismo, apenas vi filmes que amei tbém!
      Nossa super curiosa para ler e acompanhar a história da Anna.
      Um super bjo!

      Alê - Bordados e Crochê
      Facebook
      Twitter
      Instagram

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oi, Alessandra!
        Se você gosta de tudo isso, creio que Filha da Ilusão vai ser ótima escolha.
        Leia menina, é SENSACIONAL! HAHAHAHAHAHA
        Beijos,
        Vic

        Excluir
    4. Oi Vic, faz tempo que quero ler este livro e estas curiosidades que você citou eu não sabia! A capa está linda mesma, foi a primeira coisa que me chamou atenção quando ele foi lançado.
      Bjs, Rose.

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oi, Rose!
        A capa é fantástica e o livro é divino.
        Leia sem medo de errar!
        Beijos,
        Vic

        Excluir
    5. Não achei a capa tão chamativa, mas a história é interessante e o legal é que eu nunca li nada que tivesse medium ou ilusionistas. Esse pode ser o primeiro.

      ResponderExcluir
    6. Oi!
      Quero muito ler esse livro, gostei bastante do contexto historia e do tema que a autora usa que é bem interessante e fiquei curiosa sobre a Anna e suas visões e se tiver oportunidade quero muito ler !!

      ResponderExcluir

    O seu comentário alegra o nosso dia!!!