• Home
  • Sobre o Blog
  • Colaboradores
  • Contato
  • 5 Livros Para Ler no Dia das Bruxas


    Chegamos ao mês de outubro e com ele vem o Halloween. Eu não sei vocês, mas eu sempre gostei de uma história de terror. Particularmente para mim as piores são as de fantasmas, principalmente se forem fantasmas de crianças.

    Para quem não sabe, o dia das bruxas é uma celebração muito antiga com um fundo religioso. Os celtas acreditavam que nesse dia a linha entre o mundo dos vivos e o dos mortos ficava fina o suficiente para que o sobrenatural atravessasse. Dessa forma, todo deveriam se fantasiar com fantasias assustadoras para afastar aqueles que tivessem realizado a travessia.

    Então, se você gosta de histórias de fantasmas, histórias sobre o sobrenatural e as criaturas que se escondem debaixo da sua cama quando você esta dormindo, essa lista é para você.

    Ed & Lorraine Warren: Demonologistas - Gerald Brittle

    Eles enfrentaram os mistérios mais sinistros dos últimos sessenta anos, sempre em busca da verdade. Agora é a sua vez de entrar em contato com o sobrenatural. Você tem coragem? Então leia Ed & Lorraine Warren: Demonologistas, a biografia definitiva dos mais famosos investigadores paranormais do nosso plano astral.
     Não é de hoje que os fãs do terror conhecem Ed Warren e sua esposa, Lorraine. O casal foi retratado em filmes de grande sucesso, como Invocação do Mal, Annabelle e Horror em Amityville. Mas basta folhear as páginas de Ed & Lorraine Warren: Demonologistas para constatar que, muitas vezes, a vida pode ser bem mais assustadora que o cinema. No livro, Gerald Brittle desvenda alguns dos principais casos reais vividos pelos Warren. Ed e Lorraine permitiram ao autor acesso exclusivo aos seus arquivos sobrenaturais, que incluem relatos extraordinários de poltergeists, casas mal-assombradas e possessões demoníacas. O resultado é um livro rico em detalhes como nenhum outro.

    Só para dizer, Ed e Lorraine não só foram pessoas reais como alguns do casos que eles investigaram se tornaram filmes bem famosos (olaaaaaa você que assistiu invocação do mal 1 e 2 e tem pesadelos com aquela freira maldita! Estamos juntos aqui colega).


    O Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares – Ransom Riggs 


    A história começa com uma tragédia familiar que lança Jacob, um rapaz de 16 anos, em uma jornada até uma ilha remota na costa do País de Gales, onde descobre as ruínas do Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares. Enquanto Jacob explora os quartos e corredores abandonados, fica claro que as crianças do orfanato são muito mais do que simplesmente peculiares. Elas podem ter sido perigosas e confinadas na ilha deserta por um bom motivo. E, de algum modo - por mais impossível que possa parecer - ainda podem estar vivas.



    Eu gostaria de dizer que eu fui inocente e por alguma razão achei que esse livro e filme fossem para crianças. Não é! Não caiam nessa!


    Donnie Darko - Richard Kelly

    A história de Donnie Darko é fácil de resumir – e talvez por isso mesmo ele tenha se transformado no filme preferido de tanta gente mundo afora: um adolescente problemático, com sintomas de esquizofrenia e sonambulismo, escapa da morte quando uma turbina de avião cai no seu quarto. Ele passa a ter visões com Frank, o humano numa estúpida roupa de coelho, ou seria o contrário? Enquanto espera pelo fim do mundo (contagem regressiva em 28:06:42:12), e pelo Dia das Bruxas, Donnie enfrenta conflitos que todos nós já experimentamos em algum momento da vida: professores autoritários, a descoberta de uma paixão, hormônios à flor da pele, diálogos reticentes entre pais e filhos, a eterna busca pelo sentido da vida – se é que ele pode mesmo ser encontrado.

    Se você gosta de um terror que tenha uma pegada de suspense e um pouco de bizarrice, Donnie Darko é pra você! A título de curiosidade, o filme baseado nesse livro é um clássico e Jake Gyllenhaal interpreta o Donnie.


    Anna Vestida de Sangue - Kendare Blake (resenha aqui)
    Cas Lowood herdou uma vocação incomum: ele caça e mata os mortos. Seu pai fazia o mesmo antes dele, até ser barbaramente assassinado por um dos fantasmas que perseguia. Agora, armado com o misterioso punhal de seu pai, Cas viaja pelo país com sua mãe bruxa e seu gato farejador de espíritos. Juntos eles vão atrás de lendas e folclores locais, tentando rastrear os sanguinários fantasmas e afastar distrações, como amigos e o futuro.Quando eles chegam a uma nova cidade em busca do fantasma que os habitantes locais chamam de Anna Vestida de Sangue, Cas espera o de sempre: perseguir, caçar, matar. Mas o que ele encontra é uma garota envolta em maldições e fúria, um espírito fascinante, como ele nunca viu. Ela ainda usa o vestido com que estava no dia em que foi brutalmente assassinada, em 1958: branco, manchado de vermelho e pingando sangue. Desde então, Anna matou todas as pessoas que ousaram entrar na casa vitoriana que ela habita. Mas, por alguma razão, ela poupou a vida de Cas.Agora ele precisa desvendar diversos mistérios, entre eles: Por que Anna é tão diferente de todos os outros fantasmas que Cas já perseguiu? E o que o faz arriscar a própria vida para tentar falar com ela novamente?

    Sabe, tai um livro que me surpreendeu. Eu não vi as cenas de vudu, assassinatos macabros e fantasmas assustadores vindo.

    A Menina Mais Fria de Coldtown - Holly Black (resenha aqui)

    No mundo de Tana existem cidades rodeadas por muros são as Coldtowns. Nelas, monstros que vivem no isolamento e seres humanos ocupam o mesmo espaço, em um decadente e sangrento embate entre predadores e presas. Depois que você ultrapassa os portões de uma Coldtown, nunca mais consegue sair.
    Em uma manhã, depois de uma festa banal, Tana acorda rodeada por cadáveres. Os outros sobreviventes do massacre são o seu insuportavelmente doce ex-namorado que foi infectado e que, portanto, representa uma ameaça e um rapaz misterioso que carrega um segredo terrível. Atormentada e determinada, Tana entra em uma corrida contra o relógio para salvar o seu pequeno grupo com o único recurso que ela conhece: atravessando o coração perverso e luxuoso da própria Coldtown.
    A Menina Mais Fria de Coldtown, da aclamada Holly Black, é uma história única sobre fúria e vingança, culpa e horror, amor e ódio.

    Os vampiros desse livro não são nada parecidos com os de Crepúsculo. Só para você ter ideia o livro praticamente começa no meio de um massacre sanguinário.


    Depois me contem se vocês tem coragem de ler esses livros antes de dormir.


    2 comentários :

    1. Oi.
      Adorei as dicas! Sou um pouco medrosa, eu confesso! Mas a curiosidade fala mais alto, quero muito o livro Ed & Lorraine Warren! O Orfanato da Srta. Peregrine eu tenho, assim como os outros da série, mas ainda não li. Donnie Darko comprei essa semana, ainda não chegou. Quero ver o filme. Anna Vestida de Sangue ganhei em um sorteio, mas ainda não recebi. Enfim, ótimas dicas. beijos!

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Márcia adoro seus comentários! Mas para alguem que se diz medrosa, vc tem uma boa coleção de livros de terror hein?! hahaha

        Fico feliz que tenha curtido as dicas =)

        Excluir

    O seu comentário alegra o nosso dia!!!