• Home
  • Sobre o Blog
  • Colaboradores
  • Contato
  • Leitura da Drica: O Outro Cão Que Guarda as Estrelas, Takashi Murakami

    Conheça a tocante história de outro cãozinho abandonado com Happy, o protagonista de ''O Cão Que Guarda As Estrelas''. Abandonado por estar muito fraco e doente, é acolhido por uma senhora que resolve usá-lo como uma desculpa para finalmente tirar a própria vida.
    ''O Outro Cão Que Guarda As Estrelas'', escrito por Takashi Murakami e publicado originalmente em 2011, é uma história sobre a importância de ter alguém ao seu lado, e como a amizade e o amor sinceros até mesmo de um cãozinho fazem a diferença na vida das pessoas.



    O Outro Cão Que Guarda as Estrelas
    Zoku Hoshi Mamoru Inu # 1
    Ano: 2015
    Páginas: 176
    Editora: JBC

    #Vaiterlivrodecachorosim

    Lá vem mais um livro sobre cães. Afinal, não dá para não saber o que aconteceu com o outro cãozinho que ficou na caixinha quando Happy foi adotado, não é?

    Essa história começa com o livro O cão que guarda as estrelas, resenhado aqui. Mas as histórias são independentes.
    Ele acaba sendo adotado por uma senhora idosa, que vive sozinha em um pequeno apartamento, e acredita que já está perto de morrer e quer uma companhia nos momentos finais. Ela o adota por achar que o cãozinho está na mesma situação que ela. Sendo assim, ela não vai morrer e deixá-lo sozinho porque ele deve morrer logo também.
    Mas não é isso que acontece! O cãozinho vai melhorando aos poucos. O carinho e o cuidado da senhora fazem com que a saúde dele retorne, e o efeito é recíproco! O carinho e a atenção que ele recebe e dá ao cãozinho também fazem com que ela melhore e o fim dos dois é mais uma vez adiado, mostrando como pode ser vital a convivência com um cão.  

    A expressão que batiza as HQs – Hoshi mamoru inu – é usada para designar uma pessoa que deseja algo impossível. Sua origem vem da imagem de um cachorro que fica olhando hipnotizado para a constelação, aqui traduzida por ‘o cão que guarda as estrelas’.

    A primeira é chamada de Futagobochi (“estrela gêmea”, em tradução literal), e se refere ao estado de debilidade e ao vínculo de amor entre a senhora e o cãozinho.
    Ittou-sei, “estrela de primeira magnitude”, é o título da segunda história, que vai retomar a vida de Tetsuo, garoto faminto e abandonado que apareceu na vida de Happy e seu dono no primeiro livro. E abandono é o tema dessa história. Os traumas e a dor do abandono enfrentado pela criança e pelo cão.
    Uma terceira história, para mim a mais emocionante, é contada por um filhote de pug que nunca foi comprado e ficou esquecido em uma pet shop. Sua única companhia são os vendedores da loja e sua inocência diante do seu provável destino trágico é comovente.
    Mas nunca nada está perdido. Ele acaba sendo roubado! Acreditem! E vai mudar a vida de quem o roubou.
    Sou apaixonada por esses mangás, pelo traço do seu quadrinista mas, muito mais pela delicadeza como temas tão fortes são tratados. Como disse no primeiro, não consegui chorar porque as histórias não são tristes. Apesar de mostrar a dor de seres humanos e animais, seu autor é capaz de nos mostrar que o amor está em qualquer lugar, mesmo nos momentos de dor, abandono e solidão, e que homens e animais são essenciais na existência um do outro.


    11 comentários :

    1. Drica!
      Para ver o quanto é importante o amor de um cachorrinho, causa até cura nas pessoas.
      Gostaria demais de poder ler esse HQ, achei as histórias lindas e o traço do desenhista perfeito, mas bem poderia ser colorido, né?
      O Dan não ficou com ciúmes?kkkkkkkkk
      “Desejo a você e a sua família um Natal de Luz! Abençoado e repleto de alegrias. Boas Festas!”
      (Priscilla Rodighiero)
      cheirinhos
      Rudy
      http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
      TOP Comentarista de DEZEMBRO ESPECIAL livros + BRINDES e 4 ganhadores, participem!

      ResponderExcluir
    2. Oi, Drica!
      Tenho muita vontade de ler esse HQ e o anterior. As capas são fofas e por tudo que você comentou, ambos tem uma linda mensagem, que toca fundo no coração.
      Adoro essas indicações.
      Beijos.

      ResponderExcluir
    3. Ai meu deus!! Eu não sou grande fã de quadrinhos, mas quando tem cachorros envolvidos, topo qualquer coisa! A história parece ser super fofa e que mostra a amizade entre a dona e o cãozinho. Adorei as fotos e a resenha.
      Um abraço!

      http://paragrafosetravessoes.blogspot.com.br/
      Participe dos SORTEIOS de Natal que estão rolando lá no blog!

      ResponderExcluir
    4. Olá!
      Que gracinhaaa! Eu ameeei!
      Nunca li HQ, morro de vontade de conhecer esse gênero!
      Vou anotar a dica e tentar encaixar na listinha das metas...
      Bjs!

      ResponderExcluir
    5. Ai que coisa mais linda! Já li algumas HQ's, mas não tenho o hábito, só que essa me deixou morrendo de vontade de ler, mesmo já sabendo que vou chorar horrores. Essa última história parece mesmo ser a mais emocionante. Vou procurar!

      ResponderExcluir
    6. Não conhecia essas historias, pois não sou de ler mangás, mas me interessei parece que passa para o leitor a importância do carinho, atenção e companheirismo, deve ser muito comovente e fofa essa historia, apesar do tema que é lamentável existir essa palavra abandono.

      ResponderExcluir
    7. Oi!
      Que historias mais fofas, ainda não conhecia esse mangá, mas gostei muito principalmente te temos historias que mesmo mostrando essa dor e sofrimento tanto dos cãozinhos, quando das pessoas, não acaba em algo triste, com certeza esse mangá nos passa uma mensagem linda !!

      ResponderExcluir
    8. Oi, tudo bom?
      Gostei muito da resenha, não tinha visto nenhum HQ do estilo, gostei muito da historia de como a mulher salva o cãozinho e como o cãozinho salva ela também.
      Beijos *-*

      ResponderExcluir
    9. Esse não sei se leria, mas parece ser bem fofo e mostra umas coisas um tanto tristes heim? Deu uma dó ler alguns dos quadrinhos =/
      Acho que seria uma boa dica pra minha irmã. Ela ainda está descobrindo o mundo da leitura e achei a história bem a cara dela, já que é meio louquinha por cachorros ^^

      ResponderExcluir
    10. Oi, Drica!!
      Que quadrinhos mais lindos!! Amei a história é super linda!! A capa é uma fofura!!
      Beijoss

      ResponderExcluir
    11. Aiiii essa terceira história que você falou, o do cãozinho que não é adotado me deixou com o coração bem apertado, ainda bem que as coisas mudam no final. Sobre a relação da primeira história, a do cão e a velhinha, só quem gosta de cachorro sabe o quanto eles nos renovam, o quanto eles animam o nosso dia e consequentemente a nossa saúde. Enfim, mais uma dica aqui do blog para quem gosta de animais e HQs.

      Beijos

      ResponderExcluir

    O seu comentário alegra o nosso dia!!!