• Home
  • Sobre o Blog
  • Colaboradores
  • Contato
  • Estante da Tata: A Morte não É o Bastante, Kim Harrison

    Rachel Morgan, a bruxa mais talentosa, sexy e durona da ficção está de volta. Desta vez, precisa controlar uma perigosa e mortal guerra de poder no submundo de Cincinatti enquanto tenta se livrar de mais um acordo com o poderoso demônio Algaliarept, que poderá a condenar a uma eternidade de sofrimento. Ao mesmo tempo, seu namorado está cada vez mais distante, abrindo espaço para Kisten, um vampiro sedutor e misterioso que teima em conquistá-la. Cheio de ação, humor e momentos imprevisíveis, os leitores vão ficar grudados em cada página deste livro. A morte não é o bastante é terceiro livro da série Hollows.




    A Morte Não é o Bastante
    Hollows # 3
    Kim Harrison
    Ano: 2017 
    Páginas: 472
    Editora: Pavana

    A série Hollows é o tipo de série que fica melhor e melhor a cada livro que passa. Em algumas séries, principalmente em séries de fantasia, sempre acontece aquela enfraquecida na história depois do segundo livro, mas, no caso dessa série, quando mais você lê, quanto mais você aprende sobre esse mundo e suas regras, mais interessante a história se torna!

    Se você não leu nenhum dos livros dessa série, você pode dar uma espiada nas minhas resenhas dos dois primeiros livros aqui e aqui.

    Mas vamos fazer um resumo básico A série Hollow se passa em um mundo onde existem várias criaturas paranormais (vampiros, bruxas, fadas, elfos...). Depois de uma doença estranha, a comunidade paranormal foi descoberta pela humanidade. A Rachel, a protagonista do livro, é uma bruxa e investigadora particular que antes trabalhava na FIB (uma agência do FBI que investiga os crimes relacionados aos seres paranormais).

    Como eu comentei no final da minha resenha do segundo livro, muita coisa aconteceu com a Rachel, coisas que criaram repercussões. Não me entendam mal, eu adoro o Algaliarept (Al, para os íntimos) mas ele é um demônio e todo mundo sabia, incluindo a Rachel, que a marca de um demônio cobra o seu preço. E é assim, que esse terceiro livro começa, com Rachel tentando lidar com as consequências de suas escolhas passadas.

    Eu não vou comentar muito sobre a trama central porque eu não quero tirar a graça de vocês ao dar spoilers, mas vamos falar sobre os personagens.

    Como eu disse lá em cima, esse terceiro livro continua a expandir o universo da série de maneira espetacular! As várias histórias secundárias também são maravilhosas, principalmente quando elas lidam com os mistérios ao redor de certos personagens (Olá, Trent!) e é tudo muito bem desenvolvido e unido no final do livro.

    Eu adoro a Rachel como protagonista. Ela é doida e desbocada e possui a rara habilidade de se meter o tempo todo em confusão. Eu não sei vocês, mas eu nunca gostei de protagonistas bobinhas e indefesas.

    Os outros personagens continuam maravilhosos. O Jenkins (para quem não conhece, ele é um pixie/fada) não aparece muito nesse livro, mas só o fato da família dele morar com a Rachel e a Ivy, aquece meu coração e me dá esperanças de cenas completamente loucas e hilárias para o futuro.

    Apesar de todas as suas qualidades, tem uma coisa que está me irritando nesse livro e eu espero que se resolva nos próximos. Eu realmente não gosto da relação de amizade da Rachel e da Ivy. Eu nunca gostei da Ivy, para começo de conversa, ela está bem melhor nesse livro, mas a situação toda já está cansativa. Já cansei e, por mim, Ivy podia rodar.

    Vamos avaliar o Nick agora. Eu disse que ele não ia durar muito. Eu sei que muita gente se apegou a ele e que ele é o primeiro interesse amoroso da Rachel, mas eu achei incrível essa evolução da história. Gente, nem sempre seu primeiro namorado é o cara com quem você casa, e ver a Rachel explorando outras possibilidades é maravilhoso (Rachel, minha filha, vai explorar possibilidades lá pelas bandas do Trent! Eu ainda torço por ela e o Trent porque, na minha cabeça, faz todo e completo sentido... Sem falar que ele é um príncipe Elfo e ele é super badass).

    Vamos ser francas aqui, você é uma bruxa badass, que conhece um príncipe elfo mais badass ainda, mas você namora um cara que você conheceu no meio de um negócio ilegal que, por roubar de um vampiro poderoso, passou parte do tempo transformado em rato? Sério que você quer namorar um ladrão burro? Não importa quão gato ele é, Rachel! Até o Kisten, que é vampiro e é um personagem MARAVILHOSO por sinal, seria melhor que o Nick!

    Eu aceitaria muito bem se a Rachel acabasse com o Kisten (não só porque ele é desbocado, charmoso e maravilhoso) mas, na real? Eu não vejo sentido neles como um casal a longo prazo porque ele é, infelizmente, um vampiro. Independente disso, Kisten é um personagem extremamente carismático e seus flertes loucos com a Rachel foram alguns dos melhores diálogos do livro.

    E vamos lá de novo, TRENT É UM PRINCIPE ELFO BADASS QUE É MOCINHO E VILÃO AO MESMO TEMPO, pelo amor de deus! Vamos dar mais páginas para esse homem, Kim Harrison! Ele é um dos personagens mais interessantes e eu vou bater nessa tecla até esse casal se concretizar hahaha.

    A série Hollow já foi finalizada no Estados Unidos e estou rezando para que o lançamento do quarto livro, aqui no Brasil, aconteça logo!


    5 comentários :

    1. Oi Tata, cada resenha que leio por aqui me deixa mais curiosa sobre essa série e apesar de ainda não ter começado a ler, também espero que a editora continue lançando e traga logo as continuações. A série parece ser bem legal, também gosto de protagonistas "badass" e já vou sabendo que não devo me apegar a Nick rsr. Curti a resenha ;)

      ResponderExcluir
    2. Tata!
      Muito bm ver que a série não perdeu o 'pique', porque realmente há sempre uma decaída.
      Gosto demais de livros de fantasia que trazem tantos seres diversificados e fiquei com a maior vontade de ler.
      “Saber envelhecer é a grande sabedoria da vida.” (Henri Amiel)
      Cheirinhos
      Rudy
      TOP COMENTARISTA DE JUNHO 3 livros, 3 ganhadores, participem.
      http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    3. Amém que é o terceiro livro é a escritora ainda manteve a peteca no ar, eu já li uma série que começou muito boa e depois do segundo livro a visita começou a desenhar, era no mesmo estilo dessa por sinal e foi ruim ver que depois do terceiro livro eu não via mais necessidade de ter outros. Essa série me interessou e vou lê-la com certeza.

      ResponderExcluir
    4. Olá!
      Ainda não conhecia esse livro, dei uma lida nas duas primeiras resenhas e parece ser bem legal apesar de não ser meu estilo de leitura. Não gostei muito da capa, mas é um livro que eu daria uma chance no futuro. Parece ter bastante aventura <3
      Beijos

      ResponderExcluir
    5. Oi Tata ;)
      Já li um livro da Kim Harrison, e gosto da escrita dela. Não conhecia esse série Hollows ainda, mas a capa me lembrou um pouco uma série que amo, Night Huntress.
      Que bom que a série fica melhor a cada livro que passa, e como adoro livros de fantasia com seres sobrenaturais, acho que vou gostar demais dessa série!
      Ri demais da resenha, adorei o "Sério que você quer namorar um ladrão burro?" kkkk
      Fiquei muito animada para ler, obrigada pela dica!
      Bjos

      ResponderExcluir

    O seu comentário alegra o nosso dia!!!