• Home
  • Sobre o Blog
  • Colaboradores
  • Contato
  • Livros da Gata: O diário de Anne Frank, Mirella Spinelli


    Anne Frank passou dois longos anos escondida no “Anexo Secreto” de um prédio de escritórios em Amsterdã, entre 1942 e 1944. Sua história é conhecida no mundo inteiro graças ao diário que ela escreveu para escapar do tédio do confinamento. Por meio dele, podemos acessar os sentimentos mais profundos da adolescente que, presa por tanto tempo em um pequeno cômodo com outras sete pessoas, ainda se revela uma jovem engraçada, sensível e cheia de esperança.
    O Diário de Anne Frank em quadrinhos é um relato doce e, ao mesmo tempo, melancólico da garota judia e sua experiência durante a Segunda Guerra.
    O Diário de Anne Frank
    O Anexo Secreto: 12 de Junho de 1942 a Agosto de 1944
    Ano: 2017 
    Páginas: 96
    Idioma: português 
    Editora: Nemo

    Quem leu “A Culpa é da Estrelas “ sabe do momento mágico que aconteceu na casa de Anne Frank e, mesmo que você não tenha tido a curiosidade em pesquisar sobre esta garota, tenho certeza que você percebeu o que ela viveu. Em O Diário de Anne Frank Hq, nós vamos conhecer um pouco dessa realidade.

    Anne Frank era uma adolescente normal, cheia de energia e alegria que, em seu aniversário de treze anos, entre outros presentes, ganhou um diário e, a partir daí, começou a relatar seu dia-a–dia.


    “Quero que este diário seja minha melhor amiga, por isso vou chamá-lo de Kitty!’’

    Sua festa de aniversário, seus sonhos, sentimentos, suas amizades são apresentados numa linguagem simples e repleta de emoções. Até ai, nada demais, seria mais uma em um milhão, não fosse o fato que ela era judia e viveu em plena Segunda Guerra Mundial.
    Pouco tempo depois de começar a escrever em seu diário, ela precisou se esconder com toda a família, pois a Holanda, país onde ela morava, fora ocupada pelos alemães. Ao fugir, ela não podia levar muitos pertences, apenas os mais essenciais e, graças a ela considerar o diário algo essencial, hoje podemos conhecer um pouco de sua vida.

    “Para mim as lembranças são mais importantes que vestidos.”

    Começa ai toda a angústia e sofrimento de duas famílias que tiveram suas vidas alteradas pela perseguição desta guerra. Com traços adultos e bem próximos das fotos das pessoas envolvidas, Mirella Spinelli coloca em imagens fortes e marcantes como era a dinâmica de vida de Anne que tentava seguir com sua vida e seus sonhos mesmo confinada num pequeno espaço com mais sete pessoas.

    “Quero ter algo mais que um marido e filhos. Desejo alguma coisa a que eu possa me devotar. Sou grata a Deus por ter me dado esta possibilidade de expressar tudo que está dentro de mim. Quero continuar vivendo após a minha morte.”

    E ela conseguiu...

    Assisti ao filme em preto e branco ainda jovem e foi algo que me marcou muito, afinal eu conseguia me identificar com a parte relatada relacionada com as confusões, a falta de entendimento dos adultos, os conflitos familiares normais desta fase. Desta forma foi muito simples e rápido acabar me colocando no lugar dela e sofrendo muito com tudo que era apresentado. 

    Assim como no filme, a HQ da Nemo é muito fiel ao texto original do diário e acredito que deveria ser leitura obrigatória para todos afim de não deixar esquecer as atrocidades vividas por tantas pessoas naquela guerra e também rezar por todas aquelas que ainda hoje experimentam os horrores de uma guerra ou mesmo temem a violência das grandes cidades.

                     
    No final, a escritora apresenta o que aconteceu com cada um dos personagens reais da história depois do dia em que o diário foi violentamente interrompido .

    Beijos,Myl

                                                                    

    16 comentários :

    1. Nossa, que incrível! !
      Sempre me emociono ao ler O Diário de Anne Frank e imagina a hq cheia de imagens..

      Simplesmente adorei !! Está lindo!

      Bjos

      ResponderExcluir
    2. My!
      Gosto muito de todos os livros ligados a Anne Frank, uma verdadeira lição de vida em uma época tão complicada de viver, principalmente para uma criança...
      Assisti o filme também e é tão realista, né?
      Bom ver agora a HQ porque vai dar acesso a mais pessoas conhecerem a história dela.
      Desejo uma ótima semana!
      “A vida guarda a sabedoria do equilíbrio e nada acontece sem uma razão justa.” (Zíbia Gasparetto)
      Cheirinhos
      Rudy
      TOP COMENTARISTA DE AGOSTO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. isso mesmo, rudy...os jovens de hoje se sentem mais distantes da segunda guerra e muitas vezes não percebem os horrores vividos por muitos naquela época para poder valorizar os momentos simples da vida....beijos,myl

        Excluir
    3. Não conhecia essa versão em HQ.
      Sou apaixonadaaa pelo livro Anne Frank, uma lição tão linda de um tempo tão terrível.
      Se o livro emocionante, imagino que a HQ deve ser mais uma agregado maravilhoso nessa história triste.

      beijinhos
      She is a Bookaholic

      ResponderExcluir
    4. Apesar de nunca ter lido os livros que abordam o diário de Anne, ainda sim sempre me interessei por conhecer um pouco da sua vida pessoal, e como foi lidar com a segunda guerra mundial, e ainda ser perseguida, interrompendo assim todos os seus sonhos e anseios. Acredito que esta HQ, nos da uma visão mais realista de tudo que aconteceu, pois podemos ver as imagens e reviver este momentos cruéis, e difíceis, quero saber qual será o desfecho deste diário.

      Participe do TOP COMENTARISTA de AGOSTO, para participar e concorrer Ao livro "Dois Mundos", o primeiro da série "Tesouros da Tribo de Dana" da escritora Simone O. Marques, publicado numa edição linda pela Butterfly Editora.
      http://petalasdeliberdade.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. leia e vai se sentir muito tocada pela história....beijos,myl

        Excluir
    5. Muito interessante essa HQ para que todos principalmente os pequenos possam conhecer essa historia de uma forma mais fácil e com imagens, apesar de ser uma historia triste e revoltante que precisa sempre ser lembrada.

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. verdade, maria...mas um pequeno que já seja grande para não ficar muito impressionado....beijos,myl

        Excluir
    6. Olá!
      Acredita que ainda não li nada da Anne?
      Mas já assisti o filme e gostei muuuuuito! Preciso ler os livros urgente!
      Amei essa HQ e só realçou minha vontade de ler <3
      Beijos

      ResponderExcluir
    7. A historia de Anne Frank é incrível, ler tudo o que ela passou, o que ela sentiu, o que ela viver, é um aprendizado de vida! Em HQ então, deve ser um espetaculo!
      Ainda não vi o filme mas estou ansiosa pra ver.
      Beijos.

      ResponderExcluir
    8. Esse livro é demais! E para quem gosta de história é ideal para ter uma ideia real do que acontecia. A história de Anne Frank é emocionante, vale a pena ler não so uma vez, mas vàrias.

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. nossa! a história realmente consegue emocionar quantas vezes a gente lê....

        Excluir

    O seu comentário alegra o nosso dia!!!