• Home
  • Sobre o Blog
  • Colaboradores
  • Contato
  • A Duquesa, Danielle Steel

    A saga de uma jovem bem-nascida, que se vê sozinha no mundo e é obrigada a embarcar em uma jornada de sobrevivência e sensualidade em busca da tão sonhada justiça.
    Angélique Latham cresceu no esplendoroso Castelo Belgrave, na Inglaterra, e foi criada sob a tutela e o carinho do pai, o duque de Westerfield. Aos 18 anos, ela é a menina dos olhos do duque, mas, assim que ele morre, seus meios-irmãos mais velhos lhe viram as costas, abandonando-a completamente. Porém, com sua inteligência aguçada, uma beleza arrebatadora e um baú de dinheiro que seu pai lhe deu em segredo no leito de morte, ela fará de tudo para sobreviver.
    Sem conseguir arrumar emprego por não ter uma carta de referência, mesmo depois de um tempo trabalhando como babá, Angélique tenta a sorte em Paris. E é lá que o destino coloca em seu caminho uma prostituta, vítima dos maus-tratos de Madame Albin. Ao ajudar a jovem, Angélique vê uma oportunidade: abrir um bordel de luxo para atender aos homens mais abastados da cidade e onde pudesse proteger essas mulheres. Logo, o elegante Le Boudoir, um lugar onde os homens poderosos podem satisfazer seus desejos mais secretos com as companhias mais sofisticadas, se torna a sensação de Paris. Mas, vivendo na iminência de um escândalo, Angélique conseguirá algum dia recuperar seu lugar no mundo?
    Da Inglaterra do século XIX, passando por Paris e Nova York, Danielle Steel retrata uma época de luta das mulheres em uma sociedade predominantemente masculina ao contar a história inspiradora de uma cativante dama de espírito revolucionário.
    A Duquesa
    Ano: 2018 
    Páginas: 300
    Idioma: português 
    Editora: Editora Record
    “ – Como isso começou? - perguntou–lhe um dia. Querendo saber como surgira a ideia de abrir aquela casa.
    - É uma longa história. O típico conto de fadas envolvendo uma propriedade e um título na Inglaterra, um meio-irmão ciumento que estava determinado a se livrar de mim e que fez com que eu fosse trabalhar como babá na cada de outra família."
    Uma saga de coragem, resiliência, de altruísmo e amor onde uma jovem inocente e criado com amor por um pai dedicado precisará encontrar forças para enfrentar as adversidades de uma sociedade formal e moralista depois de ser abandonada a própria sorte.

    “ Angelique era requintada, elegante, tinha bons modos, estava bem-vestida e era delicada e calorosa ao mesmo tempo. Ele nunca conhecera alguém que  o intrigasse tanto.”

    Não preciso falar muito sobre a história mais do que já aparece na sinopse, pois tudo pode ser um  perigoso spoiler e fazer você perder os momentos de cortar o coração que surgem no decorrer da leitura. Só digo uma coisa: se gosta de drama, este é um prato cheio!

    Com  personagens bem construídos e fascinantes que me fizeram ficar apaixonada, Danielle Steel me provou que merece a fama que tem e me mostrou como sua escrita é detalhista, minuciosa e  cativante além de ser capaz de dragar o leitor para o universo criado por ela.

    Sempre fugi de Danielle Steel por sua fama de escritora dramática ao extremo, mas não consegui resistir a me aventurar depois que vi esta capa linda e bem simbólica que se encaixa como uma luva na trama.

    Único motivo que me fez não dar 5 estrelas, foi o final que eu fiquei torcendo por duas possibilidades e ela optou por uma terceira, me deixando arrasada e curvada em posição fetal na chão... Vocês não fazem ideia de como estou mal agora, mas até entendo a escolha da escritora já que seu foco é a Angelique e claramente quis fechar o ciclo  da história de força e “ volta por cima “ da protagonista.

    Enfim... só resta a Gata cantar: 'Levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima!'

    Beijos,Myl


    0 comentários :

    Postar um comentário

    O seu comentário alegra o nosso dia!!!