• Home
  • Sobre o Blog
  • Colaboradores
  • Contato
  • Uma dobra no tempo, Madeleine L'Engle

    Um clássico que atravessou o tempo para inspirar. Mestres da literatura, agora em quadrinhos. Há mais de 50 anos, as palavras de Madeleine L’Engle encantam gerações de leitores e inspiram escritores a quebrarem as barreiras terrestres para explorar novos mundos. Uma Dobra no Tempo é aquele tipo de livro que tem lugar cativo na estante e no coração dos leitores, e de vez em quando cai nas mãos de seu dono para que ele possa voltar no tempo. E verdade seja dita: quem se aventurou por suas páginas nunca mais enxergou noites escuras e tempestuosas da mesma maneira.
    A DarkSide Books convida os leitores a embarcarem nessa viagem clássica reimaginada pela talentosa ilustradora Hope Larson. Em Uma Dobra no Tempo, o pai de Meg e Charles Wallace, um exímio físico, está desaparecido há dois anos. A aventura começa quando, em uma noite de tempestade, eles recebem a visita de uma senhora peculiar, a sra. Queque é, que foi tirada de sua rota pelo vento enquanto viajava pelo tempo e espaço utilizando o tesserato. Na companhia de mais duas criaturas sobrenaturais, a sra. Quem e a sra. Qual, e de um garoto chamado Calvin O’Keefe, eles partem pelo universo em busca de qualquer indício do paradeiro do dr. Murry. Mas o que eles descobrem vai muito além disso: todo o universo está sendo atacado pela Escuridão, uma força perigosa que traga a luz das estrelas e dos planetas, em uma luta contra o mal que parece nunca acabar.
    Roteirista das histórias da Batgirl, da DC Comics, e ganhadora de um Eisner Award, a maior honraria para um quadrinista, Hope Larson realiza um trabalho impecável ao reacender as memórias de quem cresceu na companhia de personagens tão carismáticos, ao mesmo tempo em que introduz, com respeito e carinho, o universo de Madeleine L’Engle para quem acabou de embarcar nessa jornada. E que jornada. Uma Dobra no Tempo é uma aventura emocionante para todas as idades que discute temas importantes e eternos como coragem, aceitação das diferenças e a importância de acreditar em si mesmo. A jornada de Meg, uma garota comum e ao mesmo tempo extraordinária, nos mostra que existe um poder capaz de vencer qualquer obstáculo: o amor.
    Com interpretações vívidas que respiram nostalgia, seu traço cuidadoso ganha ainda mais frescor com o tom azulado que permeia as ilustrações, garantindo uma experiência completa. A DarkSide Graphic Novel ganhou mais um quadrinho preparado com esmero, naquele padrão de qualidade que os darksiders já conhecem — e que seria aprovado em qualquer lugar do tempo e espaço. Essa belíssima história também ganhou uma adaptação nos cinemas, em um filme da Disney estrelado por Oprah Winfrey, Reese Witherspoon e Mindy Kaling. Seja no cinema, nos livros ou nos quadrinhos, uma coisa é certa: Uma Dobra no Tempo chegou para deixar o leitor querendo dar um jeito de tesserar por aí.

    Uma Dobra no Tempo
    DarkSide Graphic Novel
    Madeleine L'Engle
    Ano: 2018
    Páginas: 420
    Idioma: português
    Editora: Darkside Books


    Meg Murry é uma garota rebelde que vive encrencada. Depois do desaparecimento do seu pai, ela e sua família vivem tentando manter as coisas de formas normais, mas sabemos que algo errado aconteceu. 

    Vinda de uma família de componentes muito inteligentes, Meg é uma ótima aluna de matemática, porém são as relações pessoais que a deixam insegura, fazendo com que ela não se dê bem com muitas pessoas. 

    A amizade do seu irmão mais novo e peculiar, Charles com as senhoras que moram numa casa velha no meio da floresta pode responder muitas de suas dúvidas, principalmente sobre o mistério que ronda o seu pai. 
    Embarcando numa aventura com Charles, as senhoras Quem, Quequeé, Qual e seu amigo Calvin, eles vão conseguir viajar pelo tempo e espaço, levando a dimensões inimagináveis e descobrindo que a sua missão é mais do que ela espera. 

    Para uma história publicada na década de 60, vemos muitos temas atuais e incríveis para a época, como a viagem através do espaço, o que é inacreditável. Diferente do livro, a HQ possui uma linguagem mais atrativa, seja pelo trabalho incrível de Hope Larson ou pelo fato da história ser mais resumida. 

    Graficamente a edição está absolutamente perfeita! Em capa dura e cheia de detalhes, a Darkside deu o nome mais uma vez e criou uma verdadeira obra de arte! Impossível não se apaixonar a primeira vista. 

    Uma dobra no tempo está longe de ser uma ficção científica. Abordando temas como esperança e fé, pode-se imaginar quantas surpresas essa história tem a oferecer!

    14 comentários :

    1. Antes de tudo é preciso falar mais uma vez, do trabalho impecável da DarkSide!!!Sou apaixonada nesta Editora e esta edição está lindíssima!
      Ainda não pude conferir este primeiro livro,mas acabei vendo a adaptação e mesmo com tantas diferenças(eu andei lendo algumas críticas que afirmaram isso), eu morro de vontade conferir as letras!!!
      Não é somente a ficção, é amizade, principalmente dos irmãos, é família, é esse lance de querer estar junto e ser solidário!
      Espero ter e ler a obra o quanto antes!!!
      Beijo

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Se não é para arrasar, a Darkside nem sai de casa!
        Leia mesmo, pois você vai se encantar!

        Excluir
    2. Oi Minho,
      Adoro histórias sobre viagem no tempo, mas confesso que essa não me deixou muito empolgada para ler :/ Achei interessante o livro ter sido publicado na década de 60

      ResponderExcluir
    3. Comecei a ler esse livro ontem e estou gostando, porém estou com uma leve dificuldade em gostar de Meg. Não sabia que esse livro tinha sido escrito na década de 60 e agora entendi o porque dos diálogos serem diferentes. Obrigada por não ter dado nenhum spoiler da história porque já comecei a leitura com um pé atrás e sem expectativas!

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oba! A Meg é dificil de se conquistar mesmo, mas eu entendi o motivo dela ser assim, é bem dificil ficar longe de alguém que ama e ser persuadida a acreditar em algo que não quer.
        Espero que goste!

        Excluir
    4. Ainda não tive uma oportunidade nem de ler a obra e nem de assistir ao filme... Não que seja por falta de interesse. rs
      Mas primeiro vou assistir ao filme, e depois se tiver oportunidade lerei ao livro, por ter sido publicado a muitos anos atrás, as vezes não me adapto a leituras com escritas antigas, mas ok, rs

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Recomendo que leia a HQ antes do livro (o filme você desconsidera)
        Aposto que vai gostar!

        Excluir
    5. Minho!
      Bom ver que a cada nova página virada, foi um descoberta e emoção.
      Amo ficção científica e ver um livro bem escrito, com detalhes e envolvente é fascinante.
      Adoro tema como viagem no tempo, parece que viajo junto.
      Adorei a resenha.
      Boa semaninha!
      “Felizes são os que ajudam os pobres, pois o Senhor Deus os ajudará quando estiverem em dificuldades.” (Bíblia)
      cheirinhos
      Rudy

      ResponderExcluir
    6. Oi Minho!
      Leio pouca ficção científica e são poucos livros do gênero que me prende ... A resenha está ótima, mas infelizmente não é um enredo que me prende.
      Achei que a história não condiz com a idade dos personagens e já havia reparado isso em uma outra resenha..
      Gostei do trailer(assisti a alguns dias), quero assistir a adaptação, quem sabe não fico com vontade de ler o livro depois.
      Bjs

      ResponderExcluir
    7. Oi Minho.
      Não tenho vontade de ler o livro, mas estou super curiosa para conhecer a HQ.
      A arte está linda, a capa é maravilhosa e parece que fizeram uma boa adaptação da história para o HQ.
      Acho que fica mais dinâmico a leitura.
      Beijos

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. A HQ está de deixar qualquer um com vontade kkkk deixou a história muito bem melhor!

        Excluir

    O seu comentário alegra o nosso dia!!!