• Home
  • Sobre o Blog
  • Colaboradores
  • Contato
  • Lançamentos Valentina - Maio/2016



    Isso é normal? Crescer entre centenas de pessoas com deficiência física e mental, como o filho mais novo do diretor de um hospital psiquiátrico para crianças e jovens? Nosso pequeno herói não conhece outra realidade - e até gosta muito da que conhece. O pai dirige uma instituição com mais de 1.200 pacientes, ausenta-se dentro da própria casa quando se senta em sua poltrona para ler. A mãe organiza o dia a dia, mas se queixa de seu papel. Os irmãos se dedicam com afinco a seus hobbies, mas para ele só reservam maldades. E ele próprio tem dificuldade com as letras e sempre é tomado por uma grande ira. Sente-se feliz quando cavalga pelo terreno da instituição sobre os ombros de um interno gigantesco, tocador de sinos.
    Joachim Meyerhoff narra com afeto e graça a vida de uma família extraordinária em um lugar igualmente extraordinário. E a de um pai que, na teoria, é brilhante, mas falha na prática. Afinal, quem mais conseguiria, depois de se propor a intensificar a prática de exercícios físicos ao completar 40 anos, distender um ligamento e nunca mais tornar a calçar o caro par de tênis? Ou então, em meio à calmaria, ver-se em perigo no mar e ainda por cima derrubar o filho na água? O núcleo incandescente do romance é composto pela morte, pela perda do que já não pode ser recuperado, pela saudade que fica - e pela lembrança que, por sorte, produz histórias inconcebivelmente plenas, vivas e engraçadas.


    Por um Triz reúne uma impressionante coletânea de histórias vividas por um dos mais experientes escaladores do país nas suas montanhas domésticas, com belezas e dificuldades próprias que em nada ficam devendo, em termos de emoção, às vividas pelos escaladores de maciços rochosos mais famosos, embora sejam certamente diferentes em muitos aspectos.







    No Clube do Cupcake, cozinhar é apenas um detalhe.
    Entre altos papos e doces lambidas, amizades crescem como pão quentinho e a vida vai ficando, hummm, mais saborosa.
    Mas quando é preciso decidir entre a vida que você sempre sonhou e o amor da sua vida, só as melhores amigas, as melhores receitas e uma caixa cheia de Red Velvets podem ajudar.







    O Sonho do Café entrelaça os pontos de vista do empreendedor, do expert, do inovador e do homem como raramente acontece em livros sobre a história da comida.
    O livro tem por objetivo oferecer uma mensagem extraordinária e positiva sobre como a paixão e o trabalho com afinco associados à alta qualidade dos produtos podem gerar beleza, prazer, responsabilidade e inovação.

    8 comentários :

    1. Os livros que mais me chamaram a atenção foram, "Delícia, Delícia", e "Quando Finalmente Voltará a ser Como Nunca Foi", e ainda mais o Quando Finalmente. A sinopse me prendeu, e me deu uma vontade enorme de ler este livro. Livros com o teor psicológico são os que mais conseguem me abrir os olhos e salivar. Espero poder ler este livro logo.

      ResponderExcluir
    2. Essa capa de delicia delicia é linda. Sou fascinada por cupcakes kkkk ❤️

      ResponderExcluir
    3. Olá!!!
      Juro que essa capa "Quando Finalmente Voltará a ser Como Nunca Foi" já me deixou toda arrepiada e a sinopse me deixou apreensiva e um tanto com medinho do livro.
      Nossa que livro e história é essa :O
      É de arrepiar completamente.

      lereliterario.blogspot.com

      ResponderExcluir
    4. So me interessei plo livro delícia, delícia que por sinal vai haver discussão sobre esse livro na minha cidade então tenho que lê-lo.

      ResponderExcluir
    5. Adorei a sinopse de Delícia Delícia, parece ser bem divertido. Quando finalmente voltará a ser como nunca fui também me chamou atenção, imagino que seja um livro emocionante! Li poucos da editora Valentina até hoje, mas nenhum me decepcionou!

      ResponderExcluir
    6. Gostei bastante das sinopses de "Delícia, Delícia", que parece ser um livro bem descontraído, e "Quando Finalmente Voltará a ser Como Nunca Foi", que deve mostrar uma realidade bem diferente do que estamos acostumados. As capas também são lindas!

      ResponderExcluir
    7. Gostei muito da sinopse de Quando finalmente voltará a ser como nunca foi, aguardarei a resenha!

      ResponderExcluir

    O seu comentário alegra o nosso dia!!!