Featured Slider

Stranger Things: Raízes do mal⁣, Gwenda Bond

Primeira história oficial do universo expandido de Stranger Things. Descubra o passado sombrio da mãe de Eleven e do médico perverso envolvido no projeto MKULTRA
Uma das séries de maior sucesso dos últimos tempos, Stranger Things surpreendeu espectadores de todas as idades. Agora, a poucos meses da estreia da aguardada terceira temporada, a Intrínseca lança o primeiro livro oficial da série, que explora o passado de dois dos personagens mais enigmáticos da produção: Terry Ives, a mãe de Eleven, e o dr. Martin Brenner, o homem que separou as duas.
Em plena década de 1960, os Estados Unidos estão passando por profundas mudanças políticas e sociais, e Terry Ives, estudante de uma cidadezinha em Indiana, se vê à parte dos acontecimentos. Cansada de ser uma mera espectadora das mudanças à sua volta, ela enxerga sua grande chance de entrar para a história ao se voluntariar para participar de um projeto ultrassecreto do governo chamado MKULTRA, realizado no laboratório de Hawkins.
É lá que ela conhece o dr. Martin Brenner, um homem cruel capaz das maiores atrocidades para alcançar seus objetivos. Terry logo se vê presa em uma trama repleta de manipulações e perigos, travando com Brenner uma guerra em que a mente humana é o campo de batalha. E sua única chance de vitória reside em uma menininha com poderes sobre-humanos e um número no lugar do nome.
Obra oficial de Stranger Things, Raízes do mal expande o universo da série, aprofundando a trama, e volta no tempo para explicar como os destinos de Terry, Brenner, Eleven e Eight se cruzaram pela primeira vez.
Raízes do Mal
Uma história oficial Stranger Things
Stranger Things #1
Ano: 2019 
Páginas: 304
Idioma: português 
Editora: Intrínseca

Em 1969, o mundo passava por mudanças, mas Terry Ives quer uma mudança na sua vida entediante. A vida em Hawkins tem tudo para ser um tédio mas, com a chegada de cientistas para fazer um experimento secreto, a chance de Terry de fazer algo que valha a pena surge.⁣

À medida que Terry vai se envolvendo como cobaia desse experimento, ela percebe que as coisas não são tão normais quanto ela imagina. O projeto MKULTRA, comandado pelo Dr. Martin Brenner se mostra muito mais misterioso, e a chefia de um homem cruel e frio só aumenta o pavor.⁣

Terry, junto com os outros jovens selecionados para o projeto (Glória, Ken e Alice) irão enfrentar uma batalha, onde o controle da mente humana é o centro de tudo. A guerra contra o Dr. Brenner só está começando.⁣

Eu sou fã de Stranger Things e não poderia deixar de conhecer a história que veio antes da Eleven e os mistérios do Mundo invertido. Se você odeia o Dr. Martin, nesse livro você vai passar a odiar mais ainda!⁣

Ano Um, Nora Roberts

PRIMEIRO VOLUME DA TRILOGIA DISTÓPICA CRÔNICAS DA ESCOLHIDA.
Nora Roberts, que já vendeu mais de 500 milhões de livros no mundo, se aventura em um novo gênero!
Tudo começa na noite de Ano-Novo. A doença se alastra rapidamente. Em questão de semanas, a rede elétrica para de funcionar, as leis e o sistema de governo entram em colapso e mais da metade da população mundial é dizimada.
Onde existia ordem, agora só há caos. E conforme o poder da ciência e da tecnologia diminuíam, a magia crescia e tomava o seu lugar. Uma parte dessa magia é boa, como a feitiçaria praticada por Lana Bingham no apartamento que divide com o amante, Max. Outra parte dela, no entanto, é inimaginavelmente maligna, e pode se esconder em qualquer canto, numa esquina, nos fétidos túneis sob o rio ou dentro daqueles que você mais ama e conhece…

Espalham-se rumores de que nem os imunes nem os dotados estão a salvo das autoridades que patrulham as ruas devastadas, então Lana e Max resolvem deixar Nova York. Outros viajantes também seguem esperançosos para o oeste: Chuck, um gênio da tecnologia que mantém o bom humor em um mundo off-line; Arlys, uma jornalista que insiste em buscar e registrar a verdade; Fredinha, uma jovem com um otimismo que parece fora do lugar nessa paisagem desoladora; Rachel e Jonah, médica e paramédico, determinados a proteger uma jovem mãe e seus três bebês recém-nascidos.
Em um mundo em que cada estranho no caminho pode representar a morte ou a salvação, nenhum deles sabe o que encontrarão. Porém, um novo horizonte os aguarda, a concretização de uma profecia ancestral que transformará a vida de todos os sobreviventes.
O fim chegou. O início é o que vem agora.
Ano Um
Quando este mundo acaba, um novo começa.
Crônicas da Escolhida #1
Ano: 2019 
Páginas: 400
Idioma: português 
Editora: Arqueiro

“ Dizem que um vírus aniquilou o mundo. Mas foi magia, negra como a noite sem lua. O vírus foi sua arma, uma torrente de flechas no céu, balas silenciosas atacando, uma lâmina afiada. Mas foi o gesto inocente – um toque de mão, um beijo de boa noite dado pela mãe – que espalhou a Catástrofe, trazendo uma morte súbita, dolorosa e hedionda para bilhões.”

Nunca fui fã dos romances da Nora Roberts, só passei mesmo a gostar de sua escrita quando comecei a ler os seus romances policiais escritos sob o pseudônimo de J. D. Robb, mas como resistir a essa empreitada de ler uma distopia? Nunca na vida! Agora posso dizer, com todas as letras: Nora Roberts é, realmente, fantástica!!!

Confesso que não tinha muita noção do que seria a história de Ano Um após ler a sinopse, mas estava apostando alto na esperança de ser surpreendida, e a minha aposta superou todas as minhas melhores expectativas.

Ano Um é uma mistura de distopia com fantasia, recheada de personagens clássicos desse mundo mágico. Mas não espere nada fofo. O nosso mundo, como conhecemos hoje, foi vitimado pela Catástrofe, uma epidemia que causa a morte em poucos dias sem nenhuma explicação ou causa aparente. Em função disso, estima-se que apenas 1/3 da população mundial ainda está viva. Mas o mundo entrou em colapso: muitos governantes estão mortos, serviços essenciais como saúde e segurança quase não funcionam por falta de pessoal, o número de suicídios aumentou assustadoramente em função da falta de esperança, medo e solidão dos que não adoeceram.

Descubra seus pontos fortes!

Descubra seus pontos fortes 2.0 é uma nova e aprimorada versão do livro Descubra seus pontos fortes, que já ajudou mais de 6 milhões de pessoas a descobrir seus principais talentos.



Tom Rath e seus colegas do Gallup se destacam pela inabalável crença de que as pessoas devem se concentrar em tirar o máximo proveito de seus pontos fortes, e não em ficar tentando consertar os próprios defeitos.— Forbes
Este livro traz lições importantes para empreendedores e gestores que desejam entender os pontos fortes de sua equipe e convertê-los em benefícios à organização.” — The Economic Times



Em vez de trabalhar ativamente para aprimorar o que temos de melhor, devotamos tempo e esforço para consertar nosso desempenho nas áreas em que não nos saímos muito bem. Não existe receita mais certeira para a frustração e a mediocridade do que passar a vida nos dedicando ao que fazemos de pior.
Para mudar essa cultura, Donald O. Clifton se baseou em pesquisas do Instituto Gallup com mais de 2 milhões de pessoas e criou o teste CliftonStrengths – Descubra seus pontos fortes, uma ferramenta para você se conhecer melhor e desenvolver suas maiores habilidades.
Na versão atualizada desse programa, você vai descobrir seus cinco maiores talentos entre os 34 temas apresentados no livro e aprender como o desenvolvimento dos pontos fortes pode contribuir para o crescimento de todos à sua volta.
O foco em suas aptidões é fundamental para uma vida com mais propósito, produtividade e bem-estar. Com este guia de referência e o teste Descubra seus pontos fortes 2.0, você vai ter acesso a:
  • Seus cinco principais pontos fortes.
  • Ideias para ação, com exemplos e dicas exclusivas de como colocar seus maiores talentos em prática.
  • Um relatório personalizado sobre o que faz você se destacar pessoal e profissionalmente.



COMPRE AGORA

O Império do Ouro Vermelho


Boneco de Pano, Daniel Cole


O polêmico detetive William Fawkes, conhecido como Wolf, acaba de voltar à ativa depois de meses em tratamento psicológico por conta de uma tentativa de agressão. Ansioso por um caso importante, ele acredita que está diante da grande chance de sua carreira quando Emily Baxter, sua amiga e ex-parceira de trabalho, pede a sua ajuda na investigação de um assassinato. O cadáver é composto por partes do corpo de seis pessoas, costuradas de forma a imitar um boneco de pano.
Enquanto Wolf tenta identificar as vítimas, sua ex-mulher, a repórter Andrea Hall, recebe de uma fonte anônima fotografias da cena do crime, além de uma lista com o nome de seis pessoas – e as datas em que o assassino pretende matar cada uma delas para montar o próximo boneco. O último nome na lista é o de Wolf.Agora, para salvar a vida do amigo,
Emily precisa lutar contra o tempo para descobrir o que conecta as vítimas antes que o criminoso ataque novamente. Ao mesmo tempo, a sentença de morte com data marcada desperta as memórias mais sombrias de Wolf, e o detetive teme que os assassinatos tenham mais a ver com ele – e com seu passado – do que qualquer um possa imaginar.
Com protagonistas imperfeitos, carismáticos e únicos, aliados a um ritmo veloz e uma deliciosa pitada de humor negro, Boneco de Pano é o que há de mais promissor na literatura policial contemporânea.
Boneco de Pano
Um corpo. Seis vítimas.
Detetive William Fawkes #1
Daniel Cole
Ano: 2017
Páginas: 336
Editora: Arqueiro

Claro que depois de ler uma sinopse dessas uma pessoa que, como eu, adora CSI, Dexter, Quântico e Criminal Minds, não poderia deixar de ler.

A história se passa na Inglaterra (que bom sair dos EUA!), e começa narrando o último dia do julgamento de Naguib Khalid, também conhecido como o Cremador, pois assassina crianças e queima seus corpos. Ele foi preso pelo detetive William Oliver Layton-Fawkes, ou Wolf, graças às suas iniciais.
Tudo começa a desandar quando Khalid é absolvido pelo júri e Wolf o ataca descontroladamente. Detido, Wolf é considerado vítima de TPA, Transtorno de Personalidade Antissocial. Perdeu sua credibilidade e seu casamento.

Depois de muito tempo afastado da polícia, sua ex-parceira o convoca para ajudá-la em um caso mais do especial na vida de qualquer policial: um corpo montado com partes de vários corpos. Mas o mistério não acaba aí. Quando Wolf chega ao local em que foi encontrado o corpo macabro, percebe que a mão do monstrengo aponta para o seu apartamento.

Como se não bastasse ter que identificar seis vítimas diferentes para encontrar alguma pista do assassino, Andrea, ex-mulher de Wolf, revela que recebeu uma lista com nomes de pessoas que serão assassinadas, inclusive com data e hora.

Mas ainda não acabou! O último nome da lista é o do próprio detetive Wolf.