• Home
  • Sobre o Blog
  • Colaboradores
  • Contato
  • Em águas sombrias, Paula Hawkins

    Nos dias que antecederam sua morte, Nel ligou para a irmã. Jules não atendeu o telefone e simplesmente ignorou seu apelo por ajuda. Agora Nel está morta. Dizem que ela se suicidou. E Jules foi obrigada a voltar ao único lugar do qual achou que havia escapado para sempre para cuidar da filha adolescente que a irmã deixou para trás.
    Mas Jules está com medo. Com um medo visceral. De seu passado há muito enterrado, da velha Casa do Moinho, de saber que Nel jamais teria se jogado para a morte. E, acima de tudo, ela está com medo do rio, e do trecho que todos chamam de Poço dos Afogamentos…
    Com a mesma escrita frenética e a mesma noção precisa dos instintos humanos que cativaram milhões de leitores ao redor do mundo em seu explosivo livro de estreia, A garota no trem, Paula Hawkins nos presenteia com uma leitura vigorosa e que supera quaisquer expectativas, partindo das histórias que contamos sobre nosso passado e do poder que elas têm de destruir a vida que levamos no presente.
    Em Águas Sombrias
    Ano: 2017 
    Páginas: 364
    Idioma: português 
    Editora: Record

    Um dos livros mais surpreendentes que já li do gênero. Paula Hawkins consegue criar uma história sombria que te instiga a chegar até o final.

    Nel Abbott é o motivo dessa história existir. Fascinada pelo poder que o rio que corta a cidade de Beckford exerce nas pessoas, ela resolve escrever um livro contando essas histórias e as motivações para as mortes que lá ocorreram. Mas isso não agrada a uma parte dos moradores da cidade.

    Cheia de segredos e dores do passado, Nel aparece morta no rio que tanto despertou a sua curiosidade. Assassinato. Suicídio? É isso que vamos descobrir ao longo da história instigante que a autora construiu, criando uma ligação, algumas vezes tênue, outras bem profunda e secreta, entre quase todos os moradores da cidade.

    “Beckford não é um local de suicídios. Beckford é um local para se livrar de mulheres encrenqueiras.”

    A Caça, M.A. Bennett

    O ano letivo começou e Greer ­MacDonald está se esforçando ao máximo para se adaptar ao colégio interno onde ela entrou como bolsista. O problema é que a STAGS, além de ser a escola mais antiga e tradicional da Inglaterra, é repleta de alunos ricos e privilegiados – tudo o que Greer não é.
    Para sua grande surpresa, um dia Greer recebe um cartão misterioso com apenas três palavras: “caça tiro pesca”. Trata-se de um convite para passar o feriado na propriedade de Henry de Warlencourt, o garoto mais bonito e popular do colégio... e líder dos medievais, o grupo de alunos que dita as regras.
    Greer se junta ao clã de Henry e a outros colegas escolhidos para o evento, mas esse conto de fadas não vai terminar da maneira que ela imagina. À medida que os três esportes se tornam mais sombrios e estranhos, Greer se dá conta de que os predadores estão à espreita... e eles querem sangue.
    Que a caçada comece!
    A Caça
    Um convite inesperado. Um final de semana mortal.
    Ano: 2019
    Páginas: 240
    Idioma: português 
    Editora: Arqueiro


    Greer MaccDonald tem muita sorte. Suas boas notas lhe adquiriram uma bolsa na mais antiga e tradicional escola da Inglaterra: a STAGS, um colégio de elite onde se encontram os melhores dos melhores. O único problema será se encaixar num mundo para o qual não estava preparada: jovens ricos, populares e que preferem viver os costumes medievais a usar a tecnologia.

    Os Medievais comandam a escola e todos querem ser iguais a eles. Para conseguir tal título, anualmente, o líder dos medievais, Henry de Warlencourt seleciona alguns alunos para passar o Justitium, um feriado local, na sua incrível mansão Longcross Hall e “participar da caça tiro pesca”.

    Inesperadamente, Greer acaba recebendo um convite para um final de semana incrível, mas o que ela não sabe (ainda) é que, por trás dessas modalidades, existe um perigo antigo e sangrento. Entusiasmada para criar novos amigos, Greer aceita o convite e se prepara para passar um dos piores finais de semana de sua vida.

    Li esse livro tentando não criar expectativas. De cara nós descobrimos que houve uma tragédia em Longcross: alguém morreu e Greer é uma das responsáveis. A narrativa nos deixa a par dos eventos finais logo no início do livro, e Greer é responsável para nos contar como tudo aconteceu.

    O romance indicado por Barack Obama

    Os recém-casados Celestial e Roy são a personificação do sonho americano e do empoderamento negro. Mas um dia os dois são separados por circunstâncias imprevisíveis: Roy é condenado a doze anos de prisão por um crime que Celestial sabe que ele não cometeu.
    Mesmo impetuosa e independente, Celestial é dominada pelo desamparo e busca conforto nos braços de um amigo de infância.
    Quando a condenação de Roy é anulada repentinamente depois de cinco anos, ele sai da prisão pronto para retomar a vida com a esposa.
    Um casamento americano lança um olhar perspicaz ao coração e à mente de três pessoas unidas e separadas por forças além do seu controle, e que precisam lidar com o passado enquanto seguem – com esperança e dor – em direção ao futuro.
    A AUTORA TAYARI JONES ABORDA TEMAS COMO O RACISMO E O PAPEL DO NEGRO NA SOCIEDADE.
    Um dos títulos do Clube do Livro da Oprah Winfrey em 2018.
    Compre aqui

    Mais de 10 milhões de livros vendidos no mundo!

    ESPERANÇA É O LIVRO DE ESTREIA NA EDITORA ARQUEIRO DE LESLEY PEARSE, ACLAMADA AUTORA DE ROMANCES HISTÓRICOS
    Autora com mais de 10 milhões de livros vendidos no mundo.
    Inglaterra, 1836. O nascimento de Hope pode ser o prelúdio de um escândalo. Prova do adultério da aristocrata lady Harvey, a menina é entregue a uma das empregadas e cresce sem saber de sua verdadeira origem.
    Porém, quando completa 14 anos e vai trabalhar na mansão dos Harveys, ela vê algo que não deveria e é forçada a fugir para os cortiços de Bristol, em meio à miséria e à doença.
    Durante uma epidemia de cólera, a coragem e a gentileza de Hope provocam uma reviravolta em sua vida e ela se vê envolvida em uma guerra, cuidando dos doentes. Mas o destino parece ter outros planos para Hope, e logo a jovem precisará enfrentar os segredos por trás de seu nascimento.
    Compre aqui

    O livro que inspirou a série da Netflix

    Em Em 1971, aos 18 anos, Ron Williamson tinha uma carreira promissora como atleta. Acabara de assinar contrato com um time grande de beisebol e de se despedir de Ada, sua cidade natal, para ir em busca do sucesso. Seis anos depois, estava de volta com os sonhos destruídos por um braço lesionado e o vício em bebidas e drogas. Foi morar com a mãe e passava vinte horas por dia dormindo no sofá.
    Em 1982, uma garçonete de 21 anos chamada Debra Sue Carter foi estuprada e assassinada brutalmente em Ada. Por cinco anos o crime ficou sem solução, até que uma frágil evidência apontou a investigação na direção de Ron.
    A partir daí o herói fracassado foi perseguido, acusado, julgado e condenado à morte. O processo, coalhado de testemunhas mentirosas e provas corrompidas, não só acabou de arruinar a vida já despedaçada de um homem, como permitiu que o verdadeiro assassino ficasse impune.
    Compre aqui.