• Home
  • Sobre o Blog
  • Colaboradores
  • Contato
  • Livros da Gata: O Amor está no Ar, Jennifer Echols

    Aluna do ensino médio, Leah Jones ama voar. No ar, ela facilmente se esquece de sua vida com sua mãe, sempre ausente, no bairro humilde de uma cidade praiana de Carolina do Sul. Quando seu instrutor de voo, Sr. Hall, contrata a garota para pilotar aviões em sua empresa de propagandas em banner, Leah considera o emprego sua porta de entrada para a vida longe do estacionamento de trailers. Mas quando ele morre subitamente, ela teme que sua carreira como piloto de aviões tenha chegado ao fim. Porém os jovens filhos do Sr. Halls, Alec, o garoto de ouro, e Grayson, o viciado em adrenalina, resolvem continuar o negócio do pai. Embora Leah tenha uma queda pro Grayson há anos, ela receia em se envolver em um negócio que agora parece que não vai muito longe. Até que Grayson descobre um dos piores segredos da menina. Com isso em mãos, ele a obriga a pilotar por uma razão que ele também não revela, uma razão relacionada a Alec. Agora Leah se encontra no meio de uma batalha entre irmãos, e a consequências podem ser desastrosas.
    O Amor Está No Ar
    Ano: 2014 
    Páginas: 398
    Idioma: português 
    Editora: Pandorga

    Os livros de Jennifer Echols são bem estilo Sessão da Tarde, uma leitura gostosinha e ótima para relaxar. Este não foi diferente. Mostra uma estória de luta, superação, força de vontade e segundas chances. 

    Leah é uma menina pobre que mora num trailer e sonha em voar, parcialmente criada por uma mãe ausente, que não gosta de trabalhar e nômade, que pouco se importa com a vida que a filha leva.

    Alec e Grayson são gêmeos ricos filhos do Sr. Hall, dono de uma pequena empresa comercial de aviação de propagandas. Depois do divórcio dos pais, os gêmeos e Jake, o filho mais velho, se afastam um pouco do pai e evitam passar as férias de verão com ele. Fato que chama a atenção de Leah, pois ela sabe que Sr. Hall gosta muito dos filhos, além disso eles acreditam que ambos tem um caso. 

    Molly é menina rica que se afeiçoa por Leah e se torna sua melhor amiga e também tenta de todas as formas enquadrar Leah na escola. Filha de um dona de padaria, famoso por fazer o melhor croissant de chocolate da cidade.

    Essas vidas em breve se interligarão.

    Divulgação: Ponto Sem Retorno, Gabriela Simões

    Sinopse
    Giselle Levy é uma meia-bruxa que vive isolada do mundo com o seu avô, escondida do olhar do rei. Cuidadosa e astuta, contudo, ainda assim, numa tentativa de sobreviver, foi apanhada e chantageada por um dos príncipes de Kendrad, Cristian, que promete não a entregar, se esta for trabalhar para o palácio. Num dilema, ela coloca em perigo a sua identidade e passa a trabalhar no palácio, onde terá de lidar com as constantes tentativas de sedução do príncipe Cristian, os misteriosos olhares de príncipe Eli, os encontros escondidos com o seu melhor e único amigo Rylan, e um rei desumano com segredos obscuros. Giselle vive numa constante incerteza e angústia de ser descoberta, amargurada pelo facto de não poder ser livre, encontra uma misteriosa sala, com um poderoso encantamento que poderá mudar tudo. Assertiva, inteligente e defensiva, irá deparar-se com uma escolha que mudará a sua vida e ideia de si própria, para sempre.

    Biografia

    Gabriela Gomes Simões nasceu na cidade da Amadora em 1998. Terminou o ano passado o Ensino Secundário no curso de Ciências e Tecnologias, neste momento encontra-se a tirar uma licenciatura em Gestão Hoteleira na Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril. Tem como sonho dar a conhecer a sua escrita.

    A paixão pela escrita começou muito nova, com apenas oito anos escrevia pequenos poemas e histórias, tendo concluído o seu primeiro manuscrito com catorze anos de idade. Nos últimos quatro anos dedicou-se ao seu aperfeiçoamento, no seu conteúdo e forma, acabando por crescer com ele, dando-lhe o título de Giselle – Ponto Sem Retorno, sendo este o seu primeiro livro.
    Em breve teremos resenha deste livro, aqui no blog! Aguardem!

    Lendo com a Dani: Romance entre rendas,As Modistas #4, Loretta Chase


    Que lady Clara Fairfax é dona de uma beleza estonteante, Londres inteira já sabe. Mas a fila de pretendentes que bate à porta de sua casa com propostas de casamento já está irritando a jovem.
    Cansada de ser vista apenas como um ornamento, Clara decide afastar-se um pouco da alta sociedade e se dedicar à caridade. Um dia, numa visita a uma obra social, ela depara com uma garota em perigo e pede ajuda ao alto, sombrio e enervante advogado Oliver Radford.
    Radford sempre foi avesso à nobreza, mas, para sua surpresa, pode vir a se tornar o próximo duque de Malvern. Embora queira manter sua relação com Clara no campo estritamente profissional, aos poucos ele percebe que ela, além de linda, é inteligente, sensível e corajosa.
    E quando a perspectiva de casamento se aproxima, tudo o que Radford pode fazer é tentar não perder a cabeça por Clara. Será que a herdeira mais adorada da sociedade e o solteiro menos acessível de Londres serão vítimas de seus próprios desejos?
    Em Romance Entre Rendas, livro que encerra a série As Modistas, Loretta Chase nos brinda com uma história envolvente e cheia de paixão, com personagens fortes e marcantes.
    Romance entre Rendas (Dukes prefer Blondes)
    Loretta Chase
    As Modistas #4
    Arqueiro (2017)
    320 páginas

    De longe, o livro mais divertido desta série. Embora não desbanque o segundo na minha preferência.


    Lady Clara Fairfax, a bela e estonteante, o prêmio mais cobiçado entre os cavalheiros, nossa conhecida desde o primeiro volume, Sedução da Seda, por ser linda, mas usar roupas horríveis.



    O alvo das três irmãs Noirot é uma beldade, mas que destoa por não ser uma cabeça de vento. Clara adora ler e o período mais feliz de sua vida, embora com apenas 22 anos e muito para viver, é definido por ela como a infância, quando tinha a liberdade de brincar com seu irmão Longmore e seu amigo Clevedon.. Bem... até o incidente em que perde a lasquinha de seu dente, aos oito anos. 



    O prólogo nos introduz Oliver Radford na escola, sofrendo bullying por parte de seu próprio primo, tudo por ser filho do advogado da família. Sim, naquela época o ramo trabalhador da família era motivo de vergonha.


    "Bernard o agarrou pelo punho.
    -... eu seguraria a língua se era você, pequeno Corvo. A menos que queira que eu conte umas histórias que é...
    - Em primeiro lugar, se você fosse eu - corrigiu Oliver. - Como está claro que não é, você precisa do subjuntivo. Em segundo lugar, histórias é plural. Portanto, você precisa usar a terceira pessoa do plural. A forma verbal correta é são."

    O último livro da série Magnus Chase e os deuses de Asgard

    Magnus Chase, filho de Frey, o deus do verão e da medicina, nunca levou muito jeito para ser herói. Mas, apesar de todas as dificuldades — e com uma ajudinha dos amigos —, ele conquistou grandes vitórias, partindo em aventuras com as quais jamais teria sonhado na época em que era apenas um sem-teto nas ruas de Boston.

    Agora, Magnus vai encarar sua missão mais perigosa desde que chegou a Valhala. Loki está livre da prisão e preparando Naglfar, o navio dos mortos, para invadir Asgard e lutar ao lado de um exército de gigantes e zumbis na batalha final contra os deuses: o Ragnarök. Para derrotá-lo, Magnus e seus amigos do andar dezenove vão precisar cruzar os oceanos de Midgard, Jötunheim e Niflheim para impedir Naglfar de zarpar, no solstício de verão. No caminho, enfrentarão deuses do mar irritados, gigantes hostis e malignos dragões cuspidores de fogo, mas o maior desafio de Magnus será vencer as próprias inseguranças. Será que ele tem o que é preciso para derrotar Loki? 

    Confira a capa abaixo e clique para comprar na Amazon:

                                                                

    Ninguém simplesmente some