• Home
  • Sobre o Blog
  • Colaboradores
  • Contato
  • Meu planeta, minha casa

    Autora: Shirley Souza

    IIustrações: Jan Limpens

    Formato: 17 x 24 cm

    Número de Páginas: 136 páginas

    Preço sugerido: R$ 48,60

    A partir da relação entre três amigos, Meu planeta, minha casa faz importantes considerações entre o desenvolvimento das pequenas cidades e o meio ambiente

    As dúvidas sobre apoiar o desenvolvimento de uma pequena cidade, que é um paraíso ecológico, surge com a instalação de uma indústria na comunidade. Coloca em debate as prioridades da comunidade, dividindo opiniões: o crescimento local ou a manutenção e preservação do meio ambiente. No livro da Editora do Brasil, Meu planeta, minha casa, o adolescente Juba, personagem que tem dois melhores amigos em lados opostos, vive um grande dilema relacionado a essas questões.

    Na obra de Shirley Souza, com a instalação de uma empresa, vem um rápido desenvolvimento, abrem-se vagas de empregos para a comunidade e uma nova possibilidade de infraestrutura, que não existia anteriormente. Cadu, amigo de Juba desde a primeira infância, apoia e valoriza esta novidade. Do lado oposto, Blá, também amiga de Juba, desde a sexta série, percebeu os pontos negativos desta instalação com a falta de responsabilidade da empresa com o meio ambiente.

    Dentro do cenário escolar, muitas manifestações de ambos os lados, juntamente com novas informações e discussões, que envolvem outros personagens da comunidade local, para avaliar o que é melhor para o município. “O protagonismo é colocado nas mãos de adolescentes porque, sinceramente, acredito que, na adolescência, somos mais idealistas e intensos, ainda não temos os filtros e os freios que a vida adulta nos traz”, informa a autora.

    Na visão da autora, os adolescentes são capazes de se dedicar totalmente ao que acreditam e podem, sim, fazer muito. Assim, o livro, além de uma proposta à reflexão, é um convite à ação: qual é a realidade do lugar em que você vive? O que você pode fazer por ela? É possível conciliar tudo isso?

    O livro retrata, segundo Souza, uma questão importante da atualidade, a ambiental. “A vida das gerações futuras depende de nossa relação com o planeta. Se matamos um rio, atirando esgoto nele, temos menos água. Pegue esse exemplo e pense na realidade do acesso à água doce no mundo. A situação é séria e só tende a se agravar. E não é mais uma situação do amanhã distante. Está acontecendo agora”, ressalta.

    Nas ilustrações de Jan Limpens, além de desenhos dos personagens a utilização de recursos gráficos, mapa, reprodução de e-mails, infográficos e manifestos.

    1 comentários :

    1. Amo ilustrações, ainda mais quando elas aparecem assim, em um livro simples, mas que parece ter um puxão de orelhas incrível.
      Os jovens podem tudo, aliás, todos nós podemos tudo, que seja cuidar, proteger ou defender.
      Como não conhecia, vai para a lista de desejados.
      Beijo

      ResponderExcluir

    O seu comentário alegra o nosso dia!!!