• Home
  • Sobre o Blog
  • Colaboradores
  • Contato
  • Série Vampire Academy - Richelle Mead


    Sinopse: Existem duas raças de vampiro caminhando sobre a terra. Uma, os moroi, estão vivos e têm poderes mágicos. A outra, os strigoi, estão mortos e são maus- se alimentando de inocentes para sobreviverem. Rose Hathaway – uma meia vampira incontrolável- está treinando para ser a guarda-costas de uma princesa moroi (Lissa Dragomir). Aprender a decapitar e enfiar estacas já é duro suficiente, mas o maior perigo pode estar em um ilícito romance com um de seus instrutores…

    A série Vampire Academy é composta de seis livros já traduzidos e publicados para o português e, gente, que série maravilhosa! Com certeza é a minha série favorita até agora, o que não quer dizer que ela tenha plots e conduções perfeitas, mas cada personagem tem sua história bem desenvolvida, eles são carismáticos, tem bastante ação e a história em si é coerente dentro do universo que a autora criou (tirando o plost twist do quinto livro, mas se não acontecesse não ia ter romance, né?!).

    Eu amo a relação da Rose com a Lissa, a amizade delas é algo realmente sobrenatural. Adoro quando leio livros onde as personagens femininas tem essa relação inabalável, crescem juntas e se ajudam mutuamente. Gostei de como as coisas foram resolvidas quando Christian entrou na história. Para mim, amizade de verdade é aquilo ali mesmo, você se preocupa com seu amigo e aprende a aceitar e respeitar as escolhas do outro quando sabe que, apesar de não ser a escolha que você faria, essa decisão fez sua amiga(o) feliz.

    A relação entre Rose e Dimitri é incrível. A autora fez da forma como eu gostaria, passando por cima de tudo que eu criticava em outros casais (tirando o plost twist do quinto livro hehe). Eles não demoram a se resolver, ele não decide largar ela do nada porque isso seria o melhor pra ela, tem um triângulo amoroso que realmente funciona e divide seu coração sem saber quem escolher, tem sexo…. Não que eu ache que todos os livros tenham que ter, entendo também que existe a questão do publico-alvo, mas como, num YA, você não vai tocar nesse assunto? Que relacionamento pra um público de, sei lá, 17 a 25 anos - minha estimativa de público-alvo - escapa de ter de lidar com esse tema? E por que livros para mulheres de qualquer idade têm tanta dificuldade para falar de sexo?  

    Quanto ao final, acho que algumas coisas são deixadas meio-abertas, muitos pontos cegos na narrativa, mas talvez eu ache isso porque ele me deixou dividida. Uma parte de mim ficou feliz, outra triste. Na verdade, acho que eu não queria que a história tivesse acabado. E com relação ao plot twist do Dimitri no quinto livro do qual tanto me queixo, não me entendam mal, é lindo, também acho, mas também acho muito Deus ex machina pro meu gosto. A autora nunca tinha estabelecido a possibilidade daquilo acontecer. E como a Richelle já tinha quebrado tantas barreiras achei que essa seria maior novidade em relação a outros YA, mas não foi dessa vez. De qualquer forma, isso não diminui a maravilha que é essa série linda de meu Deus e que eu gostaria tanto de ter pra mim, eu quero esses livros na minha prateleira!!!!!

    3 comentários :

    1. Boa noite :)
      Eu conhecia a série mas nunca li :O
      Não gosto de livros em séries >.<

      Beijos e bom final de semana
      Rimas Do Preto

      ResponderExcluir
    2. Já vi muitos comentários sobre essa série, e ainda não li... questão de oportunidade, afinal: vampiro no meio eu tô dentro!!! =)
      Adorei a resenha, bom saber que eles não ficam de lenga lenga. \o/

      ResponderExcluir
    3. Eu conheço e tenho essa série, na verdade eu só tenho 5 mas tudo bem.
      Confesso que também é uns dos meu preferidos, tiveram momentos que também fiquei super dividida, mas não fez perder o encanto da historia.

      Otima resenha.

      Abraços
      Viviane Martins
      Devoredores de Histórias
      Facebook Twitter

      ResponderExcluir

    O seu comentário alegra o nosso dia!!!