• Home
  • Sobre o Blog
  • Colaboradores
  • Contato
  • Leitura da Drica: Despedaçada, Teri Terry - Farol Literário

    Autor: Teri Terry

    Assunto: Jovens Adultos

    Editora: Farol Literário

    1ª edição 2014

    Número de páginas: 400

    Sinopse:

    Quando você não sabe quem é, como decidir quem você quer ser?

    Kyla foi Reiniciada: sua memória foi apagada pelo opressivo governo dos Lordeiros. Mas, quando lembranças proibidas de um passado violento começam a aparecer, surgem também dúvidas: ela pode con­fiar naqueles que passou a amar, como Ben? As autoridades querem a morte de Kyla. Com a ajuda de amigos no DEA, ela vai a fundo, sondando seu passado e fugindo. A verdade que ela busca desesperadamente, no entanto, é mais surpreendente do que ela poderia imaginar. Ao final do terceiro volume desta aclamada série, os mais profundos e imprevisíveis segredos serão revelados.

     “Está na hora de decidir. Não sou Lucy, nome que me deram quando eu nasci. Não sou Chuva, nome que escolhi após ser levada por nico e seus Terroristas Anti-governistas, que me transformaram em uma arma contra os Lordeiros. Não sou Kyla, nome que me foi dado no hospital após ter sido capturada e reiniciada por ser uma terrorista do TAG.”

    Olá, queridos,


    Hoje, finalmente, terminamos a saga da vida de Kyla. Despedaçada é o último livro da trilogia Reiniciados que já teve seus livros anteriores, Reiniciados e Fragmentada, resenhados aqui. 


    Claro que, para me deixar tão ansiosa pelo final, estamos falando de uma distopia. E recapitulando para quem não leu as resenhas anteriores, Kyla é uma garota de 16 anos que foi Reiniciada, punição para os jovens que cometeram algum crime. Mas Kyla começa a se lembrar do seu passado, o que não deveria acontecer, e vai em buscar dele.

    Kyla vai ao encontro de sua mãe verdadeira, o que não a impedirá de se deparar com mais mentiras no seu caminho. E é claro que os Lordeiros estarão diretamente envolvidos com mais esse mistério. Temos muitos personagens novos e o retorno de alguns personagens antigos. Ben reaparecerá mas não será o mesmo, já que passou nas mãos dos Lordeiros, e isso pode tê-lo afetado de uma maneira inimaginável, mas descobriremos que o amor é um santo remédio mesmo em um mundo distópico. Suspeitos se tornarão amigos, bons mostrarão o seu outro lado, e tudo em que você tinha como certo no início da história sofrerá uma reviravolta.

    "Todos vivem procurando por alguma coisa, ou por alguém. A parte que falta para serem completos. Por que eu deveria ser diferente?"

    A narrativa continua em primeira pessoa, sempre narrado por Kyla, o que aumenta o nosso sofrimento por saber o que ela sabe. Vamos encontra-la após a explosão da bomba que deveria tê-la matado, como ela sobrevive, ai está uma ótima oportunidade para recomeçar como outra pessoa ao ser dada como morta e ter a sua aparência e identidade mudadas pelo TAI, e com a ajuda dos rebeldes Aiden e Mac. Kyla vai em busca do seu verdadeiro passado, o que, nem no último livro, será encontrado com facilidade.

    “Não parece grande coisa visto aqui de fora. Mas é basicamente isso que se consegue ao olhar algo pelo lado de fora. As pessoas, principalmente, podem ser tão diferentes do que aparentam que você nunca imaginaria o que elas guardam dentro de si. Do que são capazes. No meu caso, o que espreitava em meu interior estava tão bem escondido que nem mesmo eu tinha conhecimento.”

    Todas as pontas soltas, todos os mistérios, todas as perguntas sem respostas levantadas ao longo da história serão amarradas, solucionadas e respondidas nesse último livro e a sua vontade de quero mais se dará apenas pelo desejo de não se afastar de um protagonista tão forte quanto Kyla e de uma escrita tão boa quanto a de Teri Terry. Apaixonei pela Kyla desde o primeiro livro, mas nesse desfecho ela amadureceu muito, nunca foi uma menina boba, inocente, mas agora demonstra ter crescido com todas as experiências pelas quais passou e se torna uma mulher forte, decidida e inconformada como as mazelas que um mau governo pode trazer para o seu povo, consciente dos seus direitos e disposta a lutar por uma causa maior do que ela mesmo.


    A autora está de parabéns, conseguiu fazer um desfecho surpreendente para uma história cheia de reviravoltas, onde nada é o que parece, com uma leitura que flui tão facilmente quanto no primeiro livro.

    Parabéns a Farol, que publicou um material de primeiríssima qualidade visual, ótima revisão e conteúdo perfeito, além de não deixar os leitores sofrendo por milênios esperando pelo desfecho da história.


    Recomendadíssimo!!!!!

    9 comentários :

    1. Parece me uma distopia, gostei bastante do tema e sobre o que o governo faz com as memórias de Kyla, nunca vi a série, mas já vi a capa rondando pelos blogs e livrarias online. Triste a procura dela pelo nome verdadeiro, quem não tem nome, praticamente não é...não existe, todos devem ter nomes, foi isso que aprendi de um anime que assisti.. todos tem de ser alguém. Ela parece uma imortal.. bomba? não morreu? Acho legal essas heroínas que são contra as coisas horríveis que governos fazem. Que bom que gostou, assim minhas expectativas aumentam e ansiedade também.
      Um beijo Adriana, ThaynáQ.

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Pois é, seu nome é uma identidade só sua, e a troca de nomes é uma forma de opressão sim marcada na história do livro.
        Adorei a trilogia e recomendo!!!

        Excluir
    2. Todas as pessoas que leram essa trilogia falaram muito bem do final dado pela Teri Terry, é difícil conseguir no último volume responder e solucionar todos os mistérios, geralmente um ou outro sempre acaba ficando para trás, não é o caso de Despedaçada.
      Kyla parece ser uma personagem forte e verdadeira, acreditamos na sua história, na sua busca pelo passado e para conseguir compreender quem ela realmente é, enfrenta um caminho nada fácil.
      O que de uma distopia, uma grande história é a capacidade de derrubar um regime opressor e possuir reviravoltas de tirar o fôlego, tudo o que Reiniciados oferece, a autora conseguiu se destacar em meio as várias histórias parecidas do gênero.
      Só não li ainda pelo preço, justamente pelas edições serem muito bem feitas e trabalhadas, o valor corresponde ao que oferecido e no momento estou em contenção de despesas, mas quero ler logo os três livros de uma vez, mergulhar de cabeça e sofrer e vibrar com cada personagem.

      ResponderExcluir
    3. É tão bom quando temos a oportunidade de ler algo que nos dá prazer. E depois vemos o quanto ele foi perfeito e sublime do começo ao fim. Foi uma das séries mais encantadoras que li até o momento. E só me falta este livro pra terminar. E estou imensamente feliz por saber que vai continuar sendo uma história sublime. Não vejo a hora de poder terminar de ler. Muito empolgada depois dessa resenha.
      Beijos.

      ResponderExcluir
    4. Essa conclusão parece estar muito boa, principalmente porque todo mistério, e pontas soltas serão encaixadas, o que torna a história ainda mais interessante e cativante, quero entender tudo que aconteceu com essa personagem, espero ler essa trilogia maravilhosa ainda esse ano.

      ResponderExcluir
    5. Olá.
      Que bom saber que a trilogia terminou de forma satisfatória. Nem sempre é o que acontece. E saber desse importante detalhe, me motivou mais ainda a leitura. E por sua resenha, sempre fantástica, estou muito curiosa para poder ler! Beijos.

      ResponderExcluir
    6. Assim como os demais livros da série, eu ainda não li esse também. Espero ter a oportunidade de vir a ler. Gostei da resenha.

      ResponderExcluir
    7. Sou fã de distopias e de personagens fortes, pude notar que Kyla amadureceu muito no decorrer da trilogia aprendendo com os erros e seguindo adiante em busca das respostas que ela tanto busca pra si. E isso é muito legal. Fiquei muito interessado na leitura :)

      ResponderExcluir
    8. Tem coisa melhor do que uma série tendo um desfecho encantador? É uma pena que nem todas conseguem esse feito. de qualquer maneira, por mais que eu não seja a maior fã de narrativas em primeira pessoa, os comentários nas resenhas desses livros são tão bons que eu quero mesmo é a arriscar. Finalmente os tais segredos são revelados e após três resenhas lidas eu estou me mordendo de curiosidade para saber como vai acabar toda essa história de memória perdida e tudo mais. Preciso ler essa trilogia urgente.
      Um abraço!

      http://paragrafosetravessoes.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir

    O seu comentário alegra o nosso dia!!!