Uma Noiva Rebelde, Julia Quinn

Ela tinha duas opções…
Georgiana Bridgerton nunca foi contra a ideia de se casar. Ela só achava que sua opinião seria levada em conta na hora de escolher o noivo. Mas quando sua reputação está por um fio, Georgie precisa decidir: ou aceita ser uma solteirona pelo resto da vida ou se casa com o vigarista que a sequestrou de olho em seu dote.
Mas de repente surge uma terceira opção...
Quarto filho de um conde, Nicholas Rokesby está estudando medicina em Edimburgo e não tem o menor interesse em arrumar uma esposa nesse momento. Mas quando descobre que Georgie, sua amiga de infância, corre o risco de ficar arruinada para sempre, ele sabe o que deve fazer.
Depois do escândalo...
Só que os dois sabem que nunca conseguiriam se ver como mais do que bons amigos. Não é?
Ao embarcarem num jogo de conquista nada convencional, repleto de diálogos impagáveis e coadjuvantes carismáticos – entre eles três gatos cheios de personalidade –, Nicholas e Georgie vão descobrir que muitos encantos da vida já estão bem na nossa frente.

Uma Noiva Rebelde
Os Rokesbys #4
Ano: 2020 
Páginas: 272
Idioma: português
Editora: Arqueiro

Nicholas é um rapaz doce que estuda medicina na Escócia, o caçulinha dos Rokesby. Ele é daquele tipo que só pensa em estudar e não liga para as farras típicas da juventude, o que já traz um elemento diferente para trama pois o cara não é um canalha mulherengo. Já gostei! Ele é super família e faz de tudo para agradar tanto o pai quanto a mãe. 

Georgie Bridgerton tinha uma vida normal até começar a ser cortejada por Freddie Oaks, um cretino apostador que está todo endividado e sequestra a pobre Georgie para forçá-la a se casar com ele. O que ele não contava era que ela reagiria e, ela mesma, se salvaria das garras de seu algoz. Mas a opinião publica só vê o fato de que ela foi arruinada.

Os Bridgerton e o Rokesby foram vizinhos desde sempre e agora são como uma grande família. O irmão de Georgiana, Edmund, sempre foi como um irmão de Nicholas, pois eles têm a mesma idade. Ele acaba aceitando a ideia do pai e pede Georgie em casamento, mesmo só a vendo como uma irmã.
Georgie se irrita muito por causa da sinuca de bico em que a colocaram pois não quer casar com o oportunista Freddie nem aceita a pena de Nicholas, que ela conhece desde pequena mas que vê como um irmão também.

Entre conversas no lago, brincadeiras de criança e a ação divertida de dois mordomos, Georgie e Nicholas vão acabar sucumbindo ao casamento, mas isso pode ser apenas o início de uma grande história da amor. Nicholas se vê encantado com a mente perspicaz de Georgie e ela se encanta com a atenção que recebe dele quando pergunta sobre seus estudos e práticas medicinais. E esse detalhe foi o que fez toda a diferença no livro, pois Júlia Quinn cria um história sem grandes aventuras ou reviravoltas para mostrar como o amor e a realização profissional podem vir de várias formas. Tudo bem que o argumento que ela usa para iniciar todo o processo é, no mínimo, estranho e inusitado mas o resultado final foi tão maravilhoso que suplantou o argumento. 

Este livro é bem diferente do que eu imaginei quando li a sinopse. Primeiro porque a parte de ação do livro está centrada mais no início. E porque foi um amor que veio aos poucos junto com várias descobertas e, além de tudo isso, nunca imaginei que leria um livro em que o cara aceita casar para agradar à família.


Nenhum comentário

O seu comentário alegra o nosso dia!!!