As Aventuras de Pip, Jane H Berrick

VENCEDOR do Holyer An Gof como melhor livro infantil
Adotada por uma família de contrabandistas famosos da Cornualha, Pip de Pengersick ganha a vida em alto-mar enquanto aprende o comércio daqueles que navegam pela lua nova. Os negócios estão indo bem quando um estranho bem vestido envia a cachorrinha e seu amigo, o contrabandista Harry Carter, em uma missão urgente a Londres — mandada pelo próprio rei da Inglaterra. Uma missão secreta leva os dois à França, um país nas mãos da revolução. A casa de Pip na Cornuália parece muito distante. Será que Pip e Harry voltarão vivos sem os misteriosos vultos que parecem perseguir todos os seus passos?
As Aventuras de Pip
O Conto de uma contrabandista
As Aventuras de Pip #1
Jane H Berrick
Ano: 2020 
Páginas: 108
Idioma: português
Editora: The Gift Box Editora


" Eu já sabia que o mundo é um lugar muito mais complicado do que eu imaginava."

Eu sou fã da escrita de Jane Harvey Berrick, seus dramas fortes e comédias divertidas desde 2016. Nunca imaginei que ela escrevia livros infantis e me surpreendi quando ela falou isso numa live que fizemos juntas em janeiro dizendo que não podia revelar muito e fiquei feliz da vida quando vi que a editora The Giftbox iria lançar seu selo The Giftkids justamente com um livro de Jane.

Não pensei duas vezes e corri pra ler esta belezinha. Oh, delícia!

O livro traz a história da fofa cadelinha Pip, suas aventuras e descobertas pelo mundo.

Pip nasceu num Castelo abandonado na Cornualha e logo que se sentiu mais crescida (com três meses de idade, uma moça já hehehe), deixou sua mãe e irmãos e partiu em busca de fortuna e logo encontrou Harry Carter, um experiente e bondoso contrabandista por quem se afeiçoa, iniciando uma linda jornada de lealdade e companheirismo.

Logo de cara, ela e seu amigo se deparam com um traidor. Depois desta traição, Harry recebe uma missão especial do rei da Inglaterra e parte corajosamente com seu fiel cavalo Jethro e sua audaciosa amiguinha. Juntos, Harry e Pip escapam de bandidos especializados em tráfico de escravos brancos europeus, enfrentam tempestades e uma revolução e, finalmente, cumprem sua missão heroicamente.

O livro é narrado em primeira pessoa por Pip que apresenta um visão clara, bem humorada e inocente sobre os acontecimentos e foi muito interessante acompanhar os pensamentos da cadelinha.

"Acho que soprar as narinas para alguém é muito rude e nem um pouco como me criou, então ignorei os brutos malcomportados e entrei na carruagem pra me sentar em silêncio."

Me diverti muito durante a leitura e recomendo para todos. Torcendo por mais títulos assim.


Um comentário

  1. Eu também adoro de vez em sempre dar uma desligada e sim, me jogar numa leitura mais voltada para o leitor infantil. Isso aquece a alma e faz bem a nós, nesse momento tão difícil!!!
    Já me apaixonei por Pip e quero muito conhecer as aventuras dessa belezinha!
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na Flor

    ResponderExcluir

O seu comentário alegra o nosso dia!!!