Maresi, Maria Turtschaninoff


Uma história sobre amizade e sobrevivência, magia e encantamento, beleza e terror.
Maresi chegou à Abadia Vermelha quando tinha 13 anos, durante o Inverno da Fome. Antes disso, só ouvira rumores e fábulas sobre o lugar. Em um mundo onde garotas são proibidas de estudar ou seguir seus próprios sonhos, uma ilha habitada apenas por mulheres soava como uma fantasia incrível. Agora Maresi vive ali e sabe que é real. Ela está segura.

Tudo muda quando Jai, com seus cabelos emaranhados, cicatrizes e roupas sujas, chega em um navio. Ela fugia da crueldade e dos perigos escondidos em sua terra natal – mas os homens que a perseguem não vão parar por nada, até encontrá-la.

Agora as mulheres e meninas da Abadia Vermelha terão que usar seus poderes e conhecimento ancestral para combater as forças que desejam destruí-las. E Maresi, assombrada por seus próprios pesadelos, deve confrontar seus mais profundos e terríveis medos.
Maresi
As Crônicas da Abadia Vermelha #1
Ano: 2018 
Páginas: 200
Idioma: português
Editora: Editora Morro Branco

- Irmã O, por que falam de poder e não conhecimento? 
- Porque conhecimento é poder.

Maresi é uma das tantas garotas que encontraram na Abadia Vermelha refúgio e proteção, seja contra a fome ou contra a ignorância dos homens. Construída em uma ilha isolada, a Abadia é quase autossuficiente em tudo o que precisa fazendo com que os contatos com o resto do mundo sejam bem raros. O que geralmente acontece quando precisam comprar algo que não conseguem produzir ou uma garota é levada pra lá, como aconteceu com Jai.

Assustada e calada, Jai será acolhida por Maresi que logo percebe que ela deve ter passado por muita coisa ruim até estar em segurança na Abadia, que é protegida por uma trindade divina feminina. Aqui todas tem um papel essencial para o bom andamento das coisas.

" Eu acredito que se você viver a vida sem medo, com todo o seu coração, então no final você não pode temer a morte. "

Além de fugir da fome, Maresi procura na Abadia saciar a sua sede de conhecimento através dos livros, e sonha em fazer com que outras mulheres também tenham acesso a isso. 

Maresi narra sua história e de todas as mulheres da Abadia como forma de registro e a autora usa sua juventude e uma certa inocência para abordar, com muita simplicidade, temas como machismo, misoginia, pobreza e falta de segurança se contrapondo a esse lugar de sororidade e refúgio, onde mulheres realmente apoiam mulheres sem disputas. Aqui preciso alertar sobre gatilhos pois mesmo com muita sensibilidade e poucos detalhes, Maresi vai falar sobre tortura, violência e estupro. 

Em meio a tantos temas abordados, acredito que o mais importante seja justamente a forma como a autora chamou a atenção para a necessidade e importância do conhecimento, do saber, e de como uma mulher cheia de conhecimento também é cheia de poder. 

Nenhum comentário

O seu comentário alegra o nosso dia!!!