• Home
  • Sobre o Blog
  • Colaboradores
  • Contato
  • Resenha da Dani: Um Gosto de Amor - As Irmãs Keyes, Livro 2, Susan Mallery - Harlequin


    Título: Um Gosto de Amor - As Irmãs Keyes - Livro 2  

    Autora: Susan Mallery

    Título original: Sweet Spot

    Editora: Harlequin

    Páginas: 320



    Sinopse:
    Se ela tivesse uma vida mais de pecadora do que de santa… “Responsabilidade” deveria ser um dos sobrenomes de Nicole Keyes. Afinal, não é todo mundo que se dispõe a sacrificar a própria vida para comandar a confeitaria da família e educar Jesse, a irmã caçula. Mas agora que Claire, sua gêmea, está alegremente casada enquanto Jesse deixa para trás o jeito de menina da casa de lado para se tornar uma femme fatale, a superconfiante Nicole cansou de colocar as necessidades dos outros antes das suas! Até Hawk entrar na sua vida. Ao lado do ex-jogador de futebol americano Nicole sente o gosto da liberdade que sempre buscou. Hawk parece conhecer de cor o caminho para seu coração, mas ela não vai deixá-lo se aproximar demais a ponto de parti-lo. Porém, é claro que se o passado dele continuar vivo no presente, ela não terá muita escolha…

    Errata na sinopse, que consta no Skoob: Claire está noiva.


     Minha opinião:

    Melhor que o primeiro!!! *-* (sei que não devo usar ‘carinhas’, mas foi mais forte que eu)

    Susan Mallery já tinha me conquistado com o primeiro livro da trilogia, e com este segundo eu me rendi total e completamente. O livro é leve, divertido, tem tiradas cômicas, muita tensão sexual, as cenas são quentes e apesar de não ser algo explícito vão deixar sua imaginação funcionando à mil.

    Nicole Keyes é durona, o peso de ter cuidado dos negócios e da irmã caçula pesam bastante, o casamento fracassado, a briga com a irmã, tudo isso deixa a garota vulnerável. Tudo o que ela quer é viver, ter uma família, mas teme buscar isso.

    Eric Hawkins casou aos 18 anos, é um ex-jogador profissional de futebol americano, mas desde que sua esposa Serena foi diagnosticada com câncer, ele largou tudo para cuidar dela e de sua filha. Mesmo depois de cinco anos a presença da esposa é bem forte entre ele e Brittany. Pela garota, ele não quer se envolver demais com Nicole. Trabalha como treinador do time da escola onde sua filha estuda.

    Os dois se conhecem na confeitaria após Raoul, a estrela de seu time, irritar Nicole. Hawk aparece para resolver a questão, ela fica encantada com o belo treinador. Ele não perde tempo e joga seu charme, ela resiste,  mas veja uma ótima observação dela sobre o treinador:

     “O homem parecia erva-de-gato.”

     Mostrando um lado humano, ela firma um acordo com o jovem Raoul, impressionando a todos.

    Hawk é muito claro em seu desejo de ter um caso com ela, mas Nicole só dá o braço a torcer após uma afronta com Drew, seu ex-marido. Firma acordo com o treinador de que será sua “gata sexy particular” desde que ele tope ser seu namorado de mentira, para que todos deixem de olhá-la com pena. E, claro, nada de envolvimento.

    A história se desenvolve de uma maneira surpreendente, Nicole se vê muito apegada ao jovem Raoul que, por acaso, namora Brittany, a filha de Hawk. Estes dois jovens vão surgir com uma novidade que me pegou de surpresa e me irritou bastante.

    Sempre sincera e muito responsável, Nicole fala abertamente com Hawk e os dois acabam brigando.

    Além de tudo ela está lidando com sua irmã caçula que, após tentar se explicar e ser desacreditada, decide ir embora. Nicole se corrói com a dúvida se fez bem em deixar a irmã ir ou não.

    Fiquei muito brava com ele por ter culpado a Nicole, mas quando ele se dá conta que a ama, arma uma estratégia para conseguir seu perdão. E gente, é muito lindo.

    Leia, mas tenha certeza que vai ser um caleidoscópio de emoções: alegria, raiva, tristeza. É um livro com todos os ingredientes para deixar você apaixonado.

    Devaneios: À medida que lia, fui imaginando o The Rock - Dwayne Johnson - no papel. E para a Nicole, apesar dela ser loira visualizei a Sandra Bullock.

    E vocês, já leram? Vão ler? Quem imaginariam para os papéis?

    5 comentários :

    1. Dani, não sabia que tava escrevendooooo. Na próxima vez que postar me avisa para eu vir correndo o/.

      Este livro parece ser bom - eu gosto deste tipo. Lembra um pouco uma série da Bella Andre, onde há muitos jogadores de futebol americano (suspira).

      Vou anotá-lo na listinha de futuras leituras.

      Beijooo

      Camila / RLeitora

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oiiii Cameee!!! Nem acredito que vc veio comentar. *-*

        Tô ajudando a Drica desde janeiro. Pode deixar que eu aviso sim!!!

        Ah esse livro é uma delícia de ler, tem ótimas tiradas, seja humor ou provocações mais calientes. hahaa

        Mas só o Hawk atuou como jogador. Ele é um personagem que dá gosto imaginar. ;)

        Espero que você possa ler e que goste da leitura.

        Obrigada pelo comentário.

        Bj!!!

        Excluir
    2. Nossa estava em promoção na Saraiva Online e apareceu para mim como sugestão.
      Depois dessa resenha só bateu depressão por não ter comprado rs que raiva, parece ser um livro incrível!
      Seguindo, me visita? se gostar segue :D
      http://tamigarotaindecisa.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    3. Olá Ariadne, quando surgir promoção aproveite e compre, é uma trilogia muito divertida, mas este livro em especial é o mais encantador.

      Vou dar uma olhada sim no seu blog.

      Obrigada pelo comentário e pela visita!!!

      ResponderExcluir
    4. Que capa mais fofa! Os livros desta série têm capas lindas mesmo! ♥
      Conheci o primeiro volume através de uma resenha daqui do blog e achei a estória muito interessante, bem leve.
      Adorei a resenha deste volume, é muito legal cada um ser sobre alguma das irmãs. Gostei muito de saber que este livro é ainda melhor que o primeiro! O enredo me lembrou aquelas comédias românticas super fofas, fiquei com vontade de acompanhar o desenrolar deste romance!
      beijos

      ResponderExcluir

    O seu comentário alegra o nosso dia!!!