• Home
  • Sobre o Blog
  • Colaboradores
  • Contato
  • A Mais Pura Verdade, Dan Gemeinhart - Novo Conceito

    A Mais Pura Verdade

    Título Original: The honest truth

    Autor(a): Dan Gemeinhart

    Gênero: Drama

    Nro Páginas: 224

    Sinopse:

    NUNCA É TARDE DEMAIS PARA VIVER A MAIOR AVENTURA DA NOSSA VIDA.

    Em todos os sentidos que interessam, Mark é uma criança normal. Ele tem um cachorro chamado Beau e uma grande amiga, Jessie. Ele gosta de fotografar e de escrever haicais em seu caderno. Seu sonho é um dia escalar uma montanha.

    Mas, em certo sentido um sentido muito importante, Mark não tem nada a ver com as outras crianças. Mark está doente. O tipo de doença que tem a ver com hospital. Tratamento. O tipo de doença da qual algumas pessoas nunca melhoram.

    Então, Mark foge. Ele sai de casa com sua máquina fotográfica, seu caderno, seu cachorro e um plano. Um plano para alcançar o topo do Monte Rainier. Nem que seja a última coisa que ele faça. 

    A Mais Pura Verdade é uma história preciosa e surpreendente sobre grandes questões, pequenos momentos e uma jornada inacreditável.


    Olá, queridos,

    essa é a primeira resenha que fazemos de um livro da Novo Conceito como parceiro e digo que não poderíamos ter começado melhor. Na verdade, essa ainda não é a resenha de A Mais Pura Verdade, é apenas uma prévia com as minhas primeiras impressões, pois a Novo Conceito, a cerca de um mês do lançamento oficial do livro resolveu presentear os seus parceiros com uma prova editorial com os seis primeiros capítulos. 

    São 95 páginas de puro amor!!! O livro é um sick lit e conta a história de Mark, garotinho apaixonante que está doente e, como a sinopse diz, do tipo de doença da qual algumas pessoas nunca melhoram. Mark tem dois companheiros: Jesse, que é sua melhor amiga, e Beau, que é o seu cão sempre companheiro. 

    Por razões não muito claras, mas que podemos deduzir, Mark foge de casa com Beau e sua máquina fotográfica para realizar um sonho que o aproxima do seu avô montanhista: escalar o Monte Rainier. Se ele conseguirá ou não, não sabemos, nem ele, mas está decidido a tentar.

    Você pode até pensar: mais uma história com um personagem com câncer! Até onde eu pude ler, o autor nos presenteia com personagens totalmente originais. Mark é um garotinho extremamente corajoso, maduro e inteligente, consciente de sua situação, mas não conformado com as possíveis limitações.

    "Isto é uma coisa que não entendo: por que as pessoas gostam de levar consigo uma coisa que as faz lembrar de que as suas vidas estão indo embora."

    O livro apresenta duas linhas narrativas, uma em primeira pessoa que é a narração de Mark e suas aventuras ao lado de Beau. Ponto de destaque para a relação de amizade e fidelidade entre os dois. E a segunda é realizada em terceira pessoa, que é quando sabemos o que está acontecendo na casa de Mark enquanto ele parte para a sua aventura, e ai conhecemos os seus pais e sua amiga Jesse, que viverá o dilema de escolher o que é melhor para o seu amigo.

    Adorei a capa e as cores escolhidas, a diagramação está impecável, e a capa interna de capa começo de capítulo dá um charme maior à história. 

    Uma história com muita ventura, drama, amizade, lição de vida e cachorros(minha paixão)!!! Como não amar???? Agora é esperar pelo lançamento oficial no dia 23/03 para descobrir como termina a agrande aventura da vida de Mark. Você não pode perder!!!!














    6 comentários :

    1. Vi muitas pessoas comentando sobre este livro, mas não sabia do que ele realmente se tratava! Pela sua prévia, Mark é um menino que está disposto a tudo e que fará o leitor refletir com as suas lições de vida. <3 A capa é simples, porém com um grande significado. Amei! Ficarei no aguardo de uma resenha complexa e detalhada. Bjs! ;)

      ResponderExcluir
    2. Oi Dri, nossa que historia neh, ameeei esse livro tbm to doida pra ler, e de dar liçoes de vida para o leitor a historia de Mark..queria mto saber se ele conseguiu o que tanto queria que era escalar a montanha, mais isso so lendo neh.. bjoos

      ResponderExcluir
    3. Parece ser um livro suuuuper bom mesmo, daqueles que emocionam a gente e nos ensinam valores. Estou louca pela estreia.

      ResponderExcluir
    4. Adriana!
      Acabei de ler minha degustação e fiquei encantada com a maturidade de Mark para a idade dele e claro com Beau, o cãozinho fofo, bem treinado e o verdadeiro cão de guarda.
      cheirinhos
      Rudy

      ResponderExcluir

    O seu comentário alegra o nosso dia!!!