• Home
  • Sobre o Blog
  • Colaboradores
  • Contato
  • Lendo com a Dani: Moira, a Órfã, Barbara Cartland


    O orfanato era lúgubre e triste. Moira, uma jovem de dezessete anos, também criada no asilo, fazia de tudo para ajudar os órfãozinhos e minorar seus sofrimentos. Até que um dia, para espanto de todos, Moira foi obrigada a abandonar o orfanato e ir para a Escócia a mando do poderoso duque de Arckcraig. 
    Vestida com o uniforme dos órfãos enjeitados, Moira entrou no deslumbrante salão do castelo do duque e escutou, perplexa, dos lábios do nobre as fatídicas palavras que mudaram sua vida! 
    Moira, a Órfã 
    Barbara Cartland
    Nova Cultural (1998)
    198 páginas


    Barbara Cartland é a culpada por eu amar romance de época. Minha mãe tinha vários exemplares desta autora e li e reli cada um inúmeras vezes.

    Mas, Moira, a órfã, foi uma leitura inédita e tão linda quanto.

    As mocinhas de Barbara Cartland são além do seu tempo, são impulsivas, um tanto geniosas, mas a receita de seus livros é um final feliz na certa.


    Com Moira não é diferente....

    Órfã e vivendo no orfanato como a governanta, sim, pois embora não oficialmente, ela quem cuida das crianças, do que comem, evita brigas, tenta controlar a responsável pela instituição para que não gaste o pouco que recebem de doação com bebida.

    E quando um desconhecido faz questão de levá-la do decrépito orfanato para a Escócia, ela se sente aflita pelas crianças; e temerosa pelo que lhe aguarda.

    O Duque de Arckcraig é um personagem que inspira medo, e em alguns pontos muita raiva. Porém ele tem motivos para andar tão irascível.

    Todo o enredo é bem trabalhado, apesar de curtinho, e ver como um afeta ao outro durante a convivência é um ponto a mais.

    Nada de juras de amor à primeira vista.

    Não só de romance se trata este livro, a autora prepara uma reviravolta para lá de emocionante e só me fez desejar ler outros mais.

    Curiosidade: este livro pode ser encontrado sob o título de A maldição do Clã.

    E bem, combina bastante o primeiro título, bem como o segundo. Embora para mim o primeiro cause mais interesse.

    E você precisa ler para saber de que se trata essa maldição.




    2 comentários :

    1. Oi Dani, eu tenho que ler barbara Cartland e curti muito a dica desse livro na resenha. Eu amo romances de época e tô sempre visitando os sebos virtuais e procurando por esses livrinhos antigos, que são encantadores e doces <3 Acho que apesar de curto o livro parece ser muito bom e espero ter a oportunidade de ler futuramente se não esse, algum livro dessa autora que sempre vejo ser recomendada ;)

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oi Lili, eu li vários dela. São o tipo de livro que vc sabe que no fim vai sorrir. E adoro a Barbara pq ela desenvolve tramas com intriga e reviravoltas em pouquíssimas páginas!
        Espero que tenha a oportunidade de ler algo desta aitora!
        Obrigada.

        Excluir

    O seu comentário alegra o nosso dia!!!