• Home
  • Sobre o Blog
  • Colaboradores
  • Contato
  • A namorada ideal, Michelle Frances

     Uma garota. Um garoto. A mãe dele. E a mentira que ela desejará nunca ter contado. O quão longe você iria para proteger seu filho? Laura tem uma vida perfeita: carreira de sucesso e um casamento feliz e duradouro com um marido rico. Além disso, Daniel, seu filho de vinte e três anos, é um jovem gentil e muito bonito. Um dia, Daniel conhece Cherry, uma garota inteligente que, infelizmente, não teve a vida que gostaria ter tido. Ela quer a vida de Laura. Quando uma tragédia acontece, uma decisão é tomada em um ato de desespero e uma mentira terrível é contada, tão terrível que mudará a vida de todos para sempre.
    A Namorada Ideal
    Ela ama seu filho. Ela quer sua vida.
    Ano: 2018 
    ficPáginas: 448
    Idioma: português 
    Editora: Astral Cultural

    Sabe aquele livro que, já nos primeiros capítulos, você tem a sensação de que já leu alguma coisa parecida e que já sabe como tudo vai acabar? A namorada ideal te dá essa sensação, mas é só para puxar o seu tapete lá na frente com requintes de crueldade!

    Já no prólogo você conhece Laura, que revela que vai fazer algo hediondo… Voltando meses antes na história, vamos descobrir que Laura é uma jovem senhora vaidosa ansiosa pelo retorno do seu filho que estava estudando medicina for da cidade. Daniel voltou pra ficar, conseguiu o seu primeiro emprego como médico e vai se estabelecer na cidade. Mas o que Laura não imaginava era que Daniel estava procurando um apartamento e não vai morar na suntuosa mansão com ela e o seu pai, que mal se veem ou se falam. E ela ficará novamente sozinha…

    É através da compra do apartamento que Daniel conhece Cherry, sua corretora e logo sua namorada. Cherry é uma jovem cheia de segredos em relação ao seu passado pobre, tem vergonha de sua mãe que até hoje trabalha em um supermercado para sobreviver e decidiu que construirá a sua vida de forma diferente. Ainda está abalada com o término do seu relacionamento com um rapaz de origem rica. Um tanto sem escrúpulos e com muita inteligência, ela consegue o emprego na corretora sem imaginar que isso lhe traria o homem dos sonhos: lindo, rico e apaixonado.

    O relacionamento dos dois é intenso e após alguns dias juntos, Cherry já está jantando com a família dele. Laura sente que está perdendo o seu filho, o que lhe traz alguns fantasmas do passado que fizeram com que ela se tornasse uma mãe excessivamente protetora, até mesmo obsessiva. Para piorar a situação, Howard, seu marido, volta a se relacionar com a amante.

    E aí começa todo o conflito da história: duas mulheres, disputando o mesmo homem por motivos diferentes.


    De um lado Cherry, querendo ter a vida que sempre sonhou. Apesar de, em alguns momentos, ela parecer realmente gostar de Daniel, ela o manipula, inventa histórias, finge, cria situações com o único objetivo de afastá-lo da mãe.

    Do outro lado, Laura, apenas uma mãe que quer o melhor para o seu filho mas tomas as decisões erradas, que começa a perceber o jogo de Cherry, mas não consegue fazer com que Daniel acredite nela porque está apaixonado.

    E Daniel é mesmo o cara que toda mãe quer como genro! Lindo, educado, fofo, honesto, romântico e rico!!!


    A escrita da Michelle Frances é muito rápida e fluida, quando você percebe, já leu metade do livro na ânsia de saber como tudo isso vai terminar. Se prepare para amar e odiar o mesmo personagem apenas em um virar de páginas, simplesmente porque a autora tem a capacidade de mostrar a alma humana realmente como ela é. Afinal, ninguém é totalmente bom ou totalmente ruim.

    E quando o seu coração já está enfraquecido de tantos altos e baixos, vem o final! Daqueles que te tiram o fôlego, te deixa pensando nele por vários dias e deixa a blogueira aqui louca para dar spoilers!!! Por favor, leia para a gente comentar sobre esse final!!!!


    13 comentários :

    1. Drica, mulher, que resenha foi essa?
      Já fiquei louca para ler só por causa da paixão com a qual você escreveu sobre o livro.
      Não conhecia ele, mas quero saber como vai terminar isso de mãe vs. namorada.

      ResponderExcluir
    2. Até que ponto podemos influenciar nas escolhas de nossos filhos? Há um limite?
      Puxa, que enredo!rs fiquei muitas vezes enquanto lia a resenha, tentando me ver no lugar desta mãe..ah, se tivesse tido o poder de decidir a escolha da minha filha ;/
      Por isso, o livro já vai para a lista de desejados e espero poder conferir ele em breve.
      Capa belíssima também!
      Beijo

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Principalmente quando vc pode fazer o melhor por ele... Interferir ou não???
        Leia sim, e me conte o que achou!

        Excluir
    3. Oi Drica,
      Eu gostei do enredo que foi apresentado, mas sim, tenho a impressão de que é meio repetitivo.
      Acho interessante a situação em que a história coloca os personagens, é bem real essa disputa de nora e sogra, eu sói esperava uma história "mais" sabe... Talvez com mais ação, mais richinhas entre as duas, acho que pecou um pouco nesse quesito. De qualquer forma, só lendo para saber não é?
      Beijos

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Pois é, Vitória, acho que você precisa mesmo ler para encontrar esses "mais" que você procura.

        Excluir
    4. Mas genteee quero esse livro pra ontem! Fiquei super curiosa com esse acontecimento que muda tudo, com o que Laura e Cherry são capazes de fazer e como tudo isso flui. Mesmo antes de ler senti um leve apego por Daniel, mas vou tentar evitar isso durante a leitura.
      Lendo a resenha lembrei um pouco de "A outra Sra. Parrish".

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Daniel é um fofo!!! Menina, tem muito de A Outra Sra. Parrish tb, só que em outra posição.

        Excluir
    5. Uau! É o que falei assim que terminei de ler essa resenha, rsrs
      Não sei de que lado ficaria, a mãe do cara é possessiva demais, isso nunca traz um bom relacionamento para o casal ( ou para a nora, porque o filho sempre diz "É o jeito dela") hahaha
      Já a namorada dele é bem interesseira e quer afastar ele da mãe (talvez devido ao jeito dela, se tornou uma ameaça pra ela no relacionamento deles).
      Na verdade o que eu entendi é que ambas estão se sentindo ameaçadas uma pela outra. E ambas querem manter o relacionamento por interesse. Uma quer conquistar a vida que a outra tem, e a outra que manter o que foi conquistado, mesmo sabendo que foi e continua sendo traída pelo marido... Talvez pra manter a boa vida que tem perante a sociedade?!
      O que eu vejo é que as duas são interesseiras e mais parecidas do que vão admitir, iguais sim mas com objetivos diferentes, por isso não se dão bem rsrs

      Fiquei muuuuito interessada pelo livro como pode perceber, adorei a resenha tmb.
      Bjs

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Menia, você captou todo o espírito da história1 Até parece que já leu o livro!!!

        Excluir
    6. Oi Drica.
      Mais uma resenha positiva sobre esse livro. Preciso dele agora! 6 estrelas!! rsrs
      Parece que Cherry é bastante manipuladora, sabe o que quer e fará de tudo para conseguir isso.
      Laura parece aquelas mães corujas ciumentas, que acha que sabe o que é melhor para o filho, mas geralmente não é.
      No fim, fiquei com muita dó de Daniel rs
      Espero ler em breve e gostar tanto quanto você.
      Beijos

      ResponderExcluir
    7. Drika!
      Não conhecia o livro e se é uma leitura tão arrebatadora, com personagens que não são apenas boas, mas tem seu lao mal, deve ser muito bom e instigante.
      cheirinhos
      Rudy

      ResponderExcluir

    O seu comentário alegra o nosso dia!!!