Onze minutos, Paulo Coelho

'Onze Minutos' não se propõe a ser um manual sobre o homem e a mulher diante do mundo ainda desconhecido da relação sexual. É uma análise do meu próprio percurso, sem pretender julgar aquilo que vivi. Custou muito até que eu aprendesse que o encontro físico de dois corpos é mais que uma simples resposta a alguns estímulos físicos. Na verdade, ele carrega consigo toda a carga cultural da humanidade.

Onze Minutos
Ano: 2003 
Páginas: 256
Idioma: português 
Editora: Rocco


Olá, leitores! 

Hoje eu trago mais uma resenha para vocês, e eu ainda tô sem palavras com o que esse livro fez comigo.

O livro traz a história de uma jovem moça chamada Maria, de origem humilde do interior do Nordeste, que sonha em conhecer o Rio de Janeiro e conhecer o amor.

Já adolescente, ela viaja para o destino que sempre quis e é lá que sua vida muda completamente. Maria acaba aceitando o convite de um empresário suíço para trabalhar numa boate na Suíça e criar uma nova aventura em sua vida.

Ao chegar lá, descobre que as coisas não são como ela imaginou (acaba sendo uma tragédia para si, uma estranha num país diferente do dela, com costumes e culturas diferentes). Para conseguir dinheiro fácil, só lhe resta uma opção: vender o seu belo e desejado corpo.

Maria acaba trabalhando numa das mais caras boates da cidade de Genebra, ou Genève para os locais, e é nesse mundo que ela descobre o poder do sexo e como utilizá-lo de forma comercial. O mundo da prostituição chega para Maria, que absorve tudo rápido e com eficiência, aprendendo os segredos das prostitutas em como conquistar uma clientela de respeito. Maria se aprofunda cada vez mais nesse jogo de sedução e sua vida se torna num jogo em que ela sempre lança as regras. 
Um dos maiores desafios de Maria é quando um pintor entra na sua vida e ela descobre que ainda pode amar, e que o amor não se resume apenas em sexo, mas na beleza que uma alma pode ter ao se entregar para outra pessoa.

Onze minutos me trouxe uma mensagem sobre o amor e o sexo que com o tempo eu aprenderei mais. Assim como Maria, existem muitas pessoas que precisam amadurecer sobre esse tabu (sexo X amor), percebendo que nós não conhecemos tudo. Não importa o que todos esses livros dizem, se você não procurar ter experiência sozinho, você estará perdido.

Eu achei a história muito emocionante, e o final não poderia ser melhor, né gente?! Confesso que chorei e que sempre quis algo do tipo acontecendo comigo 😂

Espero que tenham gostado, e quero a opinião de vocês! 

E o que significa os Onze minutos? Esse é um segredinho que você precisa entender sozinho 😉

Nenhum comentário

O seu comentário alegra o nosso dia!!!