Uma Casa No Fundo de Um Lago, Josh Malerman

O novo livro do autor do best-seller Caixa de Pássaros.
James e Amélia têm dezessete anos. Em comum, além da idade, têm o fato de estarem um a fim do outro e de serem tomados pelo nervosismo quando James chama Amélia para sair. Mas tudo parece perfeito para um primeiro encontro: um passeio de canoa pelos lagos, levando um cooler cheio de sanduíches e cervejas.
À medida que se aprofundam na exploração, os dois chegam a um lago escondido e encontram algo impressionante debaixo d'água. Um lugar perigosamente mágico: uma casa de dois andares com tudo que tem direito — móveis, um jardim, uma piscina e uma porta da frente, que está aberta.
Enquanto, fascinados, vasculham o imóvel e tentam passar uma boa impressão para o outro, cresce o medo. Será que um local misterioso como aquele esconde alguém — ou algo — vivo? Uma coisa é certa: depois de mergulhar nos mistérios da casa no fundo do lago, a vida deles jamais voltará a ser a mesma.
Uma Casa No Fundo de Um Lago
Ano: 2018 
Páginas: 160
Idioma: português 
Editora: Intrínseca

Uma casa no fundo de um lago nos conta a história de James e Amelia, dois adolescentes de 17 anos que marcaram o primeiro encontro em um lago, já que vivem numa cidadezinha sem muitas atrações. Apesar da timidez dos sois, o passeio se mostra interessante quando eles descobrem uma passagem escondida que os leva a um outro lago escondido e, possivelmente, desconhecido por todos. O fantástico desse lago é que ele abriga uma casa de dois andares, submersa até o telhado, absolutamente mobiliada, inclusive com roupas em seus armários, desafiando a lógica e até a imaginação mais fértil existente!

A partir daí a narração vai girar em torno das descobertas do casal feitas ao longo de vários mergulhos. Esse segredo os une e faz com que eles se aproximem cada fez mais em função do mistério da casa. As cenas são muito bem descritas e o leitor fica na expectativa do suspense e terror prometidos em sua classificação. Que não chegam...

Fui ler Uma casa no fundo de um lago por ter me apaixonado por Caixa de pássaros, outro livro do autor. Mas aqui ele não faz jus à história que escreveu em Caixa de Pássaros. Apesar da escrita envolvente que prende o leitor pela curiosidade, com uma ideia inovadora e sem clichês, a história decepciona.

Malerman cria cenas fantásticas e envolventes. Me senti sufocar em muitos momentos durante os mergulhos de James e Amelia na expectativa do suspense prometido, esperando algo inusitado que não veio, gastando praticamente todo o livro em narrações repetidas, que só me fizeram terminar o livro por ter apenas 160 páginas, chegando ao fim com um desfecho decepcionante que não dá margem à nenhuma interpretação possível.


Se você procura um romance fofo, estilo A lagoa azul, bem sessão da tarde, você vai encontrar os méritos do autor ao falar das descobertas de um casal adolescente e seu primeiro amor. Mas se você realmente procura suspense com algum toque de terror esse, definitivamente, não é o livro certo. 

Nenhum comentário

O seu comentário alegra o nosso dia!!!