• Home
  • Sobre o Blog
  • Colaboradores
  • Contato
  • Leitura da Drica: O aprendiz, Taran Matharu - @record

    O Aprendiz

    Série Conjurador # 1

    Autor: Taran Matharu

    Ano: 2015

    Páginas: 350

    Editora: Galera Record

    Sinopse:

    Em O aprendiz, primeiro volume da série Conjurador, Fletcher é um órfão de 15 anos e, para sua surpresa, conseguiu invocar um demônio do quinto nível. O problema é que apenas os nobres deveriam ser capazes de conjurar criaturas e usá-las na guerra contra os orcs. Mas plebeus como Fletcher também podem ser conjuradores, e o garoto consegue uma vaga na Academia Vocans, uma escola de magos que prepara seus alunos para os campos de batalha. Lá, ele irá enfrentar o bullying dos nobres, mas também aprenderá feitiços e fará amigos incomuns, como anões e elfos. Além de se provar digno de uma boa patente na guerra, Fletcher e seu grupo de segregados precisam se unir e vencer o preconceito que sofrem na desigual sociedade de Hominum.

     
    "Essa é a diferença entre um bom guerreiro e um grande guerreiro. Rook se esforçou muito, mas perdeu aquela batalha. Não se esforce apenas. Seja inteligente."

    O Aprendiz é mais um livro que me conquista pela capa e não me decepciona!

    Vamos conhecer a história de Fletcher, garoto forte e batalhador, que sabe muito pouco sobre sua origem. Ele foi abandonado ainda bêbê e criado como filho por Berdon, o ferreiro que lhe ensinou tudo o que sabe. Alvo preferido das injustiças de Didric, acobertado por ser filho de nobre.

    A vida de Fletcher começa a mudar quando ele conhece um soldado que está de passagem por Pelego e lhe dá de presente o diário de um conjurador morto em batalha. Sem saber como, Fletcher consegue invocar um demônio Salamandra, raro e poderoso, ao ler o diário. O que se mostra muito útil, já que é o seu demônio que o salva de um terrível embate com Didric.

    Ele foge e acaba sendo descoberto por uma espécie de olheiro que o envia a Vocans, uma espécie de Hogwarts para conjuradores, onde os alunos desenvolvem suas habilidades e aprendem sobre os seus demônios. Parecido com Harry Potter??? Você ainda não viu nada! Flecther é um mistério, já que só crianças de origem nobre tem o poder de invocar. Então, qual seria a origem do nosso pequeno herói???

    "Se não formos capazes de enfrentar as adversidades unidos, então já estamos derrotados."

    Em Vocans Fletcher vai fazer grandes amigos e inimigos quase que na mesma proporção. Amado pelos plebeus, odiado pelos nobres, sua passagem pela escola não será nada tranquila. Cercado por muita magia, demônios, orcs, anões, elfos e outras tantas criaturas, a história vai te levando a um mundo novo, apesar de muitas referências a outras já conhecidas.

    Adorei a semelhança entre os demônios doa alunos de Vocans e os Digimons, suas evoluções, poderes, habilidades e níveis.

    "O maior inimigo de um guerreiro pode ser também seu maior professor."

    Cheio de aventuras e fantasia, O Aprendiz não é só isso. De uma maneira leve, o autor fala sore justiça, amizade, lealdade e como conviver com as diferenças.

    Apesar dos clichês, recomendo muito!!!
     
     

    22 comentários :

    1. Oi Drica, eu amo livros que envolvem aventura, ação, e bruxaria, o livro parece ser bem gostoso de ler então já coloquei na minha lista de leitura e como sempre você fez uma resenha incrível bjs.

      ResponderExcluir
    2. Oii!
      Já me conquistou pela capa e sua resenha me deixou ainda mais ansiosa pela leitura *-* Adorooo livros de aventura ♥

      Beijão!
      http://loucaspaginasblog.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    3. Drica, o livro parece ter elementos bastante comuns do gênero fantasia como você mesma falou na resenha, mas parece conseguir trabalhar com eles de forma muito agradável e de certa forma, inovar, mesmo que sutilmente, na forma de abordar-los.
      Não é um livro que tenho planos para ler agora, mas quando surgir uma vontade quero conhecer este reino.

      ResponderExcluir
    4. Sinto na resenha e na sinopse que o livro traz muitas inspirações de outros escritores de fantasia, gosto de misturas de bons livros e boas histórias, aliadas de uma nova ideia. Digimon + Harry Potter + Conjuradores = coisa boa! Não vejo a hora de ler. Abraços, adorei a resenha.
      bookdan.blogspot.com

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Sim, tem essa mistura boa mesmo, mas mantém uma peculiaridade única da escritora.

        Excluir
    5. Oi Drica! Essa capa foi a primeira coisa que me chamou atenção no livro. já está nos meus desejados e após ler sua resenha, só me deu mais vontade ainda de lê-lo.
      Fantasia está entre meus gêneros favoritos e esse livro parece ter todos o elementos necessários para um boa leitura. Sem contar que a trama aborda temas bem importantes mesmo que sutilmente.
      abraços!

      ResponderExcluir
    6. Realmente a capa é lindíssima! Sabe, fantasia não é o meu gênero favorito, mas a sua não é a primeira resenha positiva que leio... preciso remediar isso!

      ResponderExcluir
    7. Drica!
      Pelo jeito é uma ficção bem escrita e traz questionamentos sobre assuntos importantes, como conviver com as diferenças.
      “O segredo da criatividade é saber como esconder as fontes.” (Albert Einstein)
      cheirinhos
      Rudy
      http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
      Participe do TOP COMENTARISTA de Janeiro, são 4 livros e 3 ganhadores!

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Sim, acho importante que os livros voltados p o público jovem toque em temas delicados para despertar o questionamento.

        Excluir
    8. A capa do livro é realmente bem bonita e chamativa, que bom que o livro não é só bom por fora como também por dentro, tenho bastante interesse em ler o livro já que o gênero me agrada muito

      ResponderExcluir
    9. Gente, que capa linda *-*
      Adoro ler livros com gênero fantasia, sei lá, sempre me encantam. Imaginar novos mundos totalmente diferentes, pessoas com mágicas, personagens nada convencionais, esse livros me atraem :)
      Adorei a resenha, fiquei super curiosa para ler 'O Aprendiz', mais uma que entrará na minha meta de leitura para 2016 \o/

      ResponderExcluir
    10. Que bonitinha a capa. Esse gênero de livro não me chama muito atenção, acho que estou um pouco enjoada deles a um bom tempo. Não curti ser parecido com Harry Potter não. :|

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Ele não é um HP, só tem alguns elementos em comum, mas uma premissa totalmente diferente.

        Excluir
    11. Oi!
      Gosto muito desse gênero de aventura e fantasia e essa foi uma historia que achei muito interessante e principalmente gostei desse mundo que a Taran Matharu criou !!

      ResponderExcluir
    12. Eu não li HP, mas sei que sua menção fará muitos se interessarem pelo livro.
      Eu adoro este tipo de estória.
      O personagem órfão, pobre, mas que se descobre uma pessoa forte, capaz de invocar um demonio.
      O cara deu o diário a ele por alguma razão, né?
      Fiquei curiosa para saber se foi aleatório, haha.
      Adoro este tipo de aventura mágica... e se envolve amizade, desafios, justiça e lealdade me interessa mais *-*

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Edna,
        acho q o motivo p ter dado o diário será esclarecido nos próximos livros!

        Excluir
    13. Nossa um novo Harry? Gostei acho que vou ler, embora seja uma história diferente acho que irá trazer os pontos que mais gostava em Harry Potter, com certeza vai para meus desejados!

      ResponderExcluir
    14. Oi Drica!
      Desde que lançou esse livro eu estou namorando ele, já tenho ele no meu kobo, mas até hoje não o li. Mas com certeza irei lê-lo, amo livros de aventura e fantasia. Ele tbm me conquistou pela capa.
      Bjs

      ResponderExcluir

    O seu comentário alegra o nosso dia!!!