• Home
  • Sobre o Blog
  • Colaboradores
  • Contato
  • Lendo com a Dani: O pedido, A mediadora #6.5, Meg Cabot

    O último lugar em que Suze Simon espera estar durante o Dia dos Namorados é um cemitério. Mas isso é o que acontece quando você é um mediador - amaldiçoado com o "dom" de se comunicar com os mortos. Foi assim que Suze acabou nas sepulturas de um par de fantasmas cujo drama não termina com a morte. É o trabalho de Suze levá-los para o "destino final".

    Mas os fantasmas não são os únicos com problemas. A razão de Suze estar passando o Dia dos Namorados com os mortos-vivos, em vez de seu namorado, Jesse, é porque ele está tendo muita dificuldade para se ajustar à vida após a morte... não é surpreendente, considerando o fato de que ele costumava ser um fantasma também...

    O pedido (Proposal)
    Autora: Meg Cabot
    Record (2016)
    116 páginas

    Esse conto é imperdível. Suzannah continua boa de briga, mesmo que contra fantasmas, com um humor nada delicado e um Jesse ainda mais apaixonante do que antes.

    Por ser um conto não vou me estender quanto ao conteúdo, para não estragar nenhuma surpresa. 

    Embora lá em cima na sinopse que peguei no Skoob, diga que a Suze acaba na sepultura de dois fantasmas, na realidade ela está atrás de um fantasma que anda causando confusão em Carmel.

    Essa PMNO, Pessoa Morta não Obediente, está bem irritadinho e anda destruindo as flores deixadas no túmulo de Jasmim, uma garota popular que segundo as evidências indicam, foi morta pelo namorado.

    E não bastasse a conversa nada agradável com a PMNO, Suze tem duas surpresas ao chegar no Vão das Virgens (que nome de alojamento).

    Uma que causou tanto estupor nela quanto em mim, sério?! Já é um indicativo do que virá no sétimo livro.

    A segunda é o Jesse... ah, tão lindo, gentil, conservador e protetor... Hector Jesse de Silva veio fazer uma surpresa, mas bem... uma pena que a namorada não seja uma garota normal e paciente.

    Claro que esse dia dos namorados não vai sair como ele planejou, mas conhecendo a namorada ele não pensa antes de ir em busca da PMNO.

    Acreditem... é um conto e com tão poucas páginas, mas tem muita ação, muita porrada (estamos falando de Suze Simon), e momentos de suspiro, além daqueles que causam boas risadas.

    Suzannah Simon continua durona, agora com um objetivo em mente, tendo que lidar com esse namoro a distância, e uma pessoa insistente.

    Neste conto Meg Cabot conta um pouco sobre os personagens secundários e o que andam fazendo. Da mãe ao padrasto até os três meio irmãos, e acredite em mim dois deles me deixaram rindo bastante.

    O final é lindo... fofo, e que Meg Cabot ajude o Jesse, pois casar com Suze é como assinar um termo de alta responsabilidade com direito a dores de cabeça e teimosia suprema.

    Mas esse casal... Suspira. Que venha Lembrança para matar nossa curiosidade e ansiedade quanto a esses pombinhos.

    Caso vá conseguir resistir e não ter um ataque cardíaco:


    Eu li e para numa tão crítica que preciso para ontem do livro sete. Aiii meus sais.

    Série A mediadora:

    1. A Terra das Sombras
    2. O Arcano Nove
    3. Reunião
    4. A Hora Mais Sombria
    5. Assombrado
    6. Crepúsculo
      6.5 O pedido
    7. Lembrança




    14 comentários :

    1. Oi Dani, tenho muita vontade de ler essa série, mas como não gostei daquela última edição que a Galera fez resolvi nem comprar.
      Espero que eles relancem.
      É inevitável não acaber pegando um spoiler com esse conto, até baixei ele, mas nem li.
      Espero que você possa ler Lembranças logo.
      Bjs

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Estou ansiosa pelo sétimo. As capas que gosto são as com pessoas, as ilustradas são estranhas.
        Obg

        Excluir
    2. Oi.
      A série parece ser muito interessante, gosto desse gênero literário. E suas palavra me deixaram curiosa tanto por esse livro como os demais da série. Se tiver oportunidade, vou ler. Obrigada pela dica. Beijos.

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Márcia leia sim, eu li numa tacada. Kkk. Era um por dia.
        Obg

        Excluir
    3. na época que eu tentei começar essa série ela não tinha acabado e por causa disso eu deixei de lado...
      bom, é quase impossivel fazer uma resenha de um conto do meio da série e não ter spoilers
      pelo jeito que vc gostou da série a mediadora, acho que vou dar uma chance ;)

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Eu quis dizer sem spoiler do conto. Afinal o título desta postagem já é um aviso para quem não leu.
        Obg

        Excluir
    4. Ainda não li a série A mediadora, mas com o lançamento do último livro comecei a ver várias resenhas e fico animada, o conto para ser bacana para os leitores, com um casal de arrancar suspiros e um bom humor, bem característico da escrita de Meg Cabot

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Leia logo, a Suze é uma garota inesquecível. E o Jesse ainda mais.
        Obg

        Excluir
    5. Dani que legal, adorei essa resenha e você conseguiu não deixar muito claro o que acontece e isso me encanta nas resenhas. Quero ler pois achei no mínimo bem divertido, e adoro temáticas onde o cemitério fica como fundo de cena!

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oi Adriana, é muito divertido sim. Complicado manter a resenha sem spoiler, mas eu tento.
        Obg

        Excluir
    6. Oi!
      Vejo as pessoas falarem muito sobre a serie A mediadora o que me deixou bem curiosa para poder ler, mas acaba que nunca pego essa serie parece acho que por ser muito grande, mas quero fazer uma maratona com os livros da serie para ver se finalmente leio, gostei muito desse conto e principalmente por focar mais nos personagens secundários e quero muito ler !!

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. A série é longa, mas a escrita é tão envolvente que vc lê em um dia.

        Calma aí, NÃO foca nos secundários, o que disse em que ela não os deixa de fora. Gosto quando os parentes são citados.
        Obg

        Excluir
    7. Quando eu era adolescente eu li a série A Mediadora e eu amaaaava, apesar que hoje em dia não faz muitominha vibe. Realmente tenho vontade de reler os livros...Ainda mais depois de ler a resenha sobre esse conto. Saudade da Suze e de todo mundo.

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Nem fala em vontade de reler, não fosse a pilha enorme de não lidos, eu faria isso. :)
        Espero que você leia.
        Obg

        Excluir

    O seu comentário alegra o nosso dia!!!