• Home
  • Sobre o Blog
  • Colaboradores
  • Contato
  • À convite: Mylena Suarez - Ó, O GLOBO! - A história de um biscoito

    Sou um ícone da carioquice, um amigo de infância, dizem até que já sou membro da família. Memória gustativa de 99,9% dos que no Rio de Janeiro vivem, viveram ou viverão. Sou repleto de curiosidades. Estreei por aqui no Aterro do Flamengo, fiz fama em Botafogo. Sou sessentão, mas nem pareço. Sou redondo e farelento, com muito orgulho. Sempre fresquinho, só ando de verde ou vermelho. Tem quem goste de mim bem bronzeado. A maioria me prefere salgado. O mate é meu melhor amigo, somos quase inseparáveis. Adoro praia, estou sempre no Maracanã, não importa qual time esteja em campo. É verdade o que dizem por aí, não circulo por rua pouco movimentada. Embora meus pais tenham raízes espanholas e portuguesas, sem mandioca eu nada seria. Detesto publicidade, “Pra quê?”, pergunto, “Se já sou tão querido!” Metido a iguaria, frequento festas descoladas, mas não perco as infantis, não mesmo. Tenho um parente que vive tentando me imitar, nem ligo. Sou saudável e nutritivo, pode me traçar sem culpa. Uns gostam, outros me adoram. Há até os que me idolatram, é sério (afinal, sou global). Bem, há um ianque que me detesta, lá em Nova York, tá out ele. Minha receita de sucesso? Sou feito com muito amor e carinho.
    Ó, O GLOBO!
    A História de um Biscoito
    Ana Beatriz Manier
    Ano: 2017 
    Páginas: 192
    Editora: Valentina


    Tem como resistir a esse livro com essa capa? Definitivamente NÃO!!!!! Ainda mais para mim, que sou fã de biscoitos do tipo Avoador. Pronto, me enveredei na nuances de uma biografia divertida e muito bem escrita.

    A escritora Ana Beatriz Manier trouxe toda a história desse que é o biscoito mais famoso do Rio de Janeiro e fez deste livro uma verdadeira ode de amor ao biscoito e ao Rio, cidade maravilhosa. Ela começa contando os motivos da vinda de duas famílias espanholas para tentar uma vida melhor em São Paulo. Foi dessas famílias que saiu o fundador desta fábrica de biscoitos, o Sr. Milton Ponce.

    De início,ela fez um relato mais em estilo romance, contando como o patriarca da família se apaixonou pela mãe do fundador e como foi a história de vida deles alternando momentos curiosos tanto da família como momentos históricos do Brasil e do próprio biscoito.

    A partir do momento em que os paulistas desembarcam no Rio para o Congresso Eucarístico, lá pelos anos 50, ela começa a focar na história da fábrica, dos sócios, do processo de produção e distribuição dos biscoitos. Em meio a isso apresenta várias fotos deles e da família e relatos de famosos sobre suas experiências com o biscoito.

    O que achei mais interessante foi que, além de conhecer uma história de vida de pessoas que chegaram ao Brasil com uma mão na frente outra atrás e fizeram fortuna e fama, a escritora também lançou a mensagem, muito bem vinda em épocas de crises, sobre NADA cai do céu e que apenas com trabalho duro e constante a gente pode tentar conquistar nosso lugar no tempo e no espaço. Mostrou também o valor que os empresários davam a seus funcionários e vendedores e ainda de quebra mostrou como foi para a segunda e terceira geração conseguir serem aceitos em todo o processo de modernização. Afinal choque de gerações sempre existiu, restando aos interessados saber abrir seu coração para ouvir o novo. Virei fã! 

    Eu particularmente não conhecia o biscoito e tive a chance de provar ao receber um mimo da editora com um pacote dele. Gostei bastante e entendi porque é Impossível Comer um Só.

    Se você ficou curioso para conhecer um pouco mais da história de nosso querido Brasil e, de quebra, como empreender e ter uma visão além do alcance, este livro é um prato cheio... cheio de biscoitos e muito amor. 

    Uma lição de vida. 

    Pequeno spoiler, a escritora no final fechou a história com chave de ouro, na minha modesta opinião de fã curiosa, contando por onde andam os personagens que participaram do início de tudo.

    Beijos, Myl


    0 comentários :

    Postar um comentário

    O seu comentário alegra o nosso dia!!!