O clube do livro do fim da vida, Will Schwaibe

"O que você está lendo?”. Esta é a pergunta que Will Schwalbe faz para a mãe, Mary Anne, na sala de espera do instituto do câncer Memorial Sloan-Kettering. Em 2007, ela retornou de uma viagem de ajuda humanitária ao Paquistão e ao Afeganistão doente. Meses depois, foi diagnosticada com um tipo avançado de câncer no pâncreas.
Toda semana, durante dois anos, Will acompanha a mãe às sessões de quimioterapia. Nesses encontros, conversam um pouco sobre tudo, de coisas triviais como o café da máquina ao que, para eles, realmente importa: a vida e os livros que estão lendo. A lista vai do clássico ao popular, da poesia ao mistério, do fantástico ao espiritual. Eles compartilham suas esperanças e preocupações através dos livros prediletos.
As conversas tornam-se um momento de profunda confiança e intimidade. Mãe e filho se redescobrem, falam de fé e coragem, de família e gratidão, além de serem constantemente lembrados do poder que os livros têm de nos reconfortar, surpreender, ensinar e dizer o que precisamos fazer com nossas vidas e com o mundo.
Em O clube do livro do fim da vida, o autor faz uma declaração de amor à mãe, percorrendo a vida da corajosa e especial Mary Anne, a carreira nos anos 1960, o trabalho voluntário em países em guerra e, finalmente, o projeto de fundar uma biblioteca nômade no Afeganistão. Mesmo muito debilitada, ela não abre mão de fazer com que o tempo que lhe resta seja útil — para a família, os amigos ou uma criança necessitada do outro lado do mundo. Uma alegre e bem-humorada celebração da vida.
O Clube do Livro do Fim da Vida
Uma história real sobre perda, celebração e o poder da leitura
Will Schwalbe
Ano: 2013
Páginas: 292
Idioma: português 
Editora: Objetiva
“Estamos todos no clube do livro do fim da nossa vida, quer admitamos isso, quer não; cada livro que lemos pode muito bem ser o último, cada conversa pode ser a derradeira.”
O clube do Livro do fim da vida é um livro que eu não leria... Mas sabe aquelas doideras de ler livro sem ler a sinopse antes? Foi o que aconteceu, e acabou não sendo tão ruim.

O livro é narrado por Will, personagem e autor, que conta os últimos meses de vida de sua mãe após ser diagnosticada com um câncer muito agressivo.

Mary Anne Schuwalbe é a personagem principal do livro, professora, mulher cheia de personalidade, ativista engajada com causas sociais ao longo do mundo, e que tem sua vida toda permeada pela literatura.
Essa paixão pelos livros e a vontade de fazer com que todos tenham a mesma paixão foi a motivação para a escrita desse livro.

Mary decide usar o seu tempo em salas de espera e de quimioterapia para ler. E como Will é seu companheiro constante, eles resolvem criar um clube do livro de duas pessoas. Os dois leem o mesmo livro e, nesses momentos, discutem sua história enquanto relembram situações por que passaram, momentos em família enquanto trazem à tona grandes recordações e criam novas que permanecerão nas memórias de Will por toda a vida.

Quero ressaltar a forma humana como a história de Mary é descrita e a maneira guerreira como ela consegue passar por todos os estágios da sua doença, do diagnóstico até o fim.

Ao longo do livro, são citados quase 100 livros, peças de teatro e poemas, alguns muito conhecidos, outros que ainda não foram traduzidos para o português. Além de citar, a maioria é discutido pela dupla, alguns trazem quotes e resumos da história. Um verdadeiro guia de literatura.


Apesar de muitos momentos tristes, daqueles de fazer pingar lágrimas do livro, é uma história linda de família e suas complicadas relações e sobre como chegar ao fim da vida de maneira digna e forte.


3 comentários

  1. Puxa, que enredo diferente!!! Confesso que não conhecia o livro,mas consegui ler a resenha já visualizando as cenas. Filho e mãe, vivendo não somente o momento difícil,mas também aprendendo e compreendendo não só a doença,mas principalmente, os momentos juntos. Um clube de dois!
    Deve ter sido emocionante, sem contar também a parte da indicação de nomes de livros, cinema e teatro.
    Vai para a lista de desejados com certeza.
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Puxa, minha querida Xará,
    Fiquei louca de curiosidade para ler o livro agora, rsrsrsrs

    Um grande abraço,

    Drica Moreira
    https://testelivroseideias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. oi Drica
    Achei o título muito interessante. Eu acho que eu gostaria de ler esse livro, não é o seu tipo de leitura, mas é o meu hehe. Um beijo

    Vidas em Preto e Branco

    ResponderExcluir

O seu comentário alegra o nosso dia!!!